Banca de QUALIFICAÇÃO: EDILSON MARINHO SILVA JÚNIOR

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: EDILSON MARINHO SILVA JÚNIOR
DATA: 04/06/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Laboratório de Tribologia - NTI/UFRN
TÍTULO:

MONITORAÇÃO DOS PARÂMETROS TRIBOLÓGICOS E DE DESEMPENHO DE MOTORES A DIESEL E BICOMBUSTÍVEL (DIESEL/GNL)


PALAVRAS-CHAVES:

Motores a Combustão Interna, Tribologia e desempenho, Análise da informação.


PÁGINAS: 83
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Mecânica
RESUMO:

A crescente necessidade do mercado competitivo industrial de determinar e prever com maior confiabilidade e segurança, mecanismos de falhas em sistema mecânicos dinâmicos, como, por exemplo, os motores a combustão interna, faz com que as grandes indústrias invistam recursos em medidas preventivas e preditivas, a fim de alcançar uma maior produtividade industrial e diminuir custos no relevante aos critérios de parada das máquinas, aliando ao mesmo tempo com a necessidade de buscar novas formas de combustíveis alternativos, através do uso combinado de fontes fósseis de energias, de modo a preservar o tempo útil do equipamento e buscar uma economia sustentável. Então, cabe à engenharia quantificar e qualificar fenômenos decorrentes de mecanismos de falhas e de deterioração de equipamentos. A presente dissertação consiste, portanto Comparar e descrever os efeitos da utilização, em motores DASH 9 7FDL16 Diesel, da mistura de combustíveis Diesel/GNL em comparação com o combustível Diesel no relativo aos fenômenos tribológicos e de desempenho de seus componentes e viabilizar o uso do bicombustível nos motores em estudo. Para isto, faz-se uso da mensuração de componentes mecânicos, por meio da utilização de análise dimensional de alguns elementos são somados com análise a dos fenômenos físicos, na busca de traçar relações entre os dois métodos, tendo como fim relatar o desempenho do uso do bicombustível, em suas proporções, no âmbito da vida do sistema dinâmico. Observou-se que a utilização do Diesel/GNL é viável no tocante aos fenômenos tribológicos e de desempenho nas condições de 1050 horas em testes acelerados.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ADELCI MENEZES DE OLIVEIRA - PETROBRAS
Interno - 349577 - CLEITON RUBENS FORMIGA BARBOSA
Presidente - 1753067 - EFRAIN PANTALEON MATAMOROS
Interno - 347080 - JOAO TELESFORO NOBREGA DE MEDEIROS
Notícia cadastrada em: 26/05/2014 15:06
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao