Banca de QUALIFICAÇÃO: DANIEL DE OLIVEIRA FIGUEIREDO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : DANIEL DE OLIVEIRA FIGUEIREDO
DATA : 04/04/2023
HORA: 09:00
LOCAL: remoto
TÍTULO:

MODELOS BIM PARA A DOCUMENTAÇÃO DO PATRIMÔNIO ARQUITETÔNICO DO SERTÃO PARAIBANO: O ART DÉCO SERTANEJO EM PATOS-PB


PALAVRAS-CHAVES:

Art Déco. BIM. Edifícios Históricos. Documentação Histórica-arquitetônica. Patrimônio. 


PÁGINAS: 81
RESUMO:

Atualmente, um dos patrimônios materiais mais ameaçados é a arquitetura, principalmente devido à falta de incentivo à preservação, à especulação imobiliária, as ações do homem, intempéries, dentre tantos outros fatores. Alguns autores destacam que as principais causas de perdas de bens históricos, está na falta de registro preciso e claro, apontando-o assim, as técnicas tradicionais como ferramentas que vem se tornando insuficiente no registro arquitetônico para a documentação dos bens históricos, tanto em nível nacional pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), quanto em nível estadual pelos Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico do Estado (IPHAE). Perante o cenário atual de perdas no patrimônio histórico-arquitetônico do nosso país, é necessário o uso de novas ferramentas na documentação de edifícios históricos, tendo em vista, o aprimoramento dos sistemas tradicionais, já que, os atuais são lentos e limitados no registro técnico de bens históricos. Deste modo, percebendo-se a ausência de um sistema de documentação rápido e detalhado, e que possa atuar na gestão do patrimônio histórico-arquitetônico, tanto em nível Nacional (IPHAN) ou estadual (IPHAE), esta pesquisa tem como objetivo o uso da tecnologia Building Information Modeling (BIM) na documentação para preservação dos edifícios históricos, com o enfoque nas edificações popular de estilo Art Déco, na cidade de Patos no Sertão-PB. Para atingir o objetivo deste estudo, propõe-se o método de pesquisa Design Science Research (DSR), usado na metodologia da Design Science (DS) que é uma ciência que busca criar novos artefatos, na investigação de soluções para resolver problemas e melhorar sistemas existentes. Assim, a pesquisa se desdobrará em 6 etapas para o desenvolvimento de uma ferramenta de documentação histórica-arquitetônica com o viés de melhoria nos sistemas tradicionais de registro dos bens históricos edificados; (1) Conscientização: definir a problemática e os primeiros estudos bibliográficos (estudos sobre a plataforma BIM e a relevância do Art Déco Sertanejo); (2) Sugestão: coleta de dados e estudos das premissas para propor uma solução (desenvolver a ferramenta de documentação, o template no BIM); (3) Desenvolvimento: criar o artefato proposto na etapa anterior, justificando a escolha da ferramenta para a sua concepção e como será avaliado (Template no software BIM REVIT); (4) Avaliação; detalhar como o artefato será avaliado (o template será avaliado através de dois métodos de avaliação de artefatos do método (DSR), descritivo e experimental; (5) Conclusão:  finalização do artefato, onde serão analisados os dados, consolidados e registrado; e (6) Aprendizagem: contribuições do trabalho. Apesar do desenvolvimento da ferramenta proposta (Template Art Déco Sertanejo), os resultados ainda seguem sendo gerados com a aplicabilidade do template na área de estudo; portanto, os dados obtidos até este momento de qualificação, já indicam algumas das potencialidades da tecnologia BIM na documentação histórica-arquitetônica: a rapidez na produção de animações 2D e 3D (partes técnicas), e a facilidade de novas atualizações com informações para os edifícios documentados, quanto para o template criado.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 3549781 - BIANCA CARLA DANTAS DE ARAUJO
Interno - 1345114 - JOSE CLEWTON DO NASCIMENTO
Externo ao Programa - 1803570 - HELIO TAKASHI MACIEL DE FARIAS - UFRN
Notícia cadastrada em: 21/03/2023 15:15
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao