Banca de DEFESA: ISMAEL FELIX COUTINHO NETO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ISMAEL FELIX COUTINHO NETO
DATA : 31/07/2020
HORA: 15:00
LOCAL: Videoconferência
TÍTULO:

GESTÃO DE RISCOS: Proposta de Intervenção no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte


PALAVRAS-CHAVES:

Governança Pública. Gestão de riscos. Processo de gerenciamento de riscos. Metodologia de Gestão de Riscos. Política de Gestão de Riscos.


PÁGINAS: 131
RESUMO:

Este trabalho teve como objetivo construir um plano de melhoria para a gestão de riscos no âmbito do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Trata-se de uma pesquisa exploratória/descritiva de abordagem qualitativa. As técnicas de coleta de dados utilizadas foram a Pesquisa Bibliográfica (GIL, 2008), a Pesquisa Documental (GIL, 2008) e o Grupo Focal (GIL, 2008); e a análise dos dados foi realizada de acordo com a Técnica de Análise de Conteúdo (BARDIN, 2011). A fundamentação teórica aborda as metodologias de referência do COSO 2 (2007) e ISO 31000 (ABNT, 2009), IIA (2013), IBGC (2017), TCU (2018), e a Resolução 50/2017-CONSUP/IFRN. O desenvolvimento do trabalho se deu em duas fases. Primeira fase, a caracterização do contexto atual da gestão de riscos do IFRN, sendo apresentados a estrutura de governança; os elementos de gestão de riscos da Instituição; e o resultado da análise de maturidade em gerenciamento de riscos em sete dimensões: estratégia de gerenciamento de riscos; governança de gerenciamento de riscos; política de gerenciamento de riscos; processo de gerenciamento de riscos e interação do protocolo de gerenciamento de riscos com os demais ciclos de gestão; linguagem de riscos e métodos de avaliações; sistemas, dados e modelos de informação; e cultura, comunicação e treinamento, monitoramento e melhoria contínua (IBGC, 2017). Segunda fase: Foi construído o Plano de Melhoria para a Gestão de Riscos no Âmbito do IFRN, contemplando os seguintes elementos: o contexto atual do processo de gerenciamento de riscos; a metodologia para o processo de gerenciamento de riscos, que se divide em cinco etapas: entendimento do contexto do risco; identificação e análise de riscos; avaliação, priorização e respostas a riscos; tratamento de riscos e monitoramento; e comunicação de riscos. E, ao final do Plano, são trazidas as estratégias para a disseminação da cultura de gestão de riscos no âmbito da Instituição.



MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 345845 - JOMARIA MATA DE LIMA ALLOUFA
Externo à Instituição - MILER FRANCO D ANJOUR - IFRN
Interna - 2569281 - PAMELA DE MEDEIROS BRANDÃO
Interno - 010.461.894-92 - RICHARD MEDEIROS DE ARAÚJO - UNIFACEX
Notícia cadastrada em: 17/07/2020 16:09
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa10-producao.info.ufrn.br.sigaa10-producao