Banca de QUALIFICAÇÃO: RAPHAEL DE SOUZA CRUZ

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAPHAEL DE SOUZA CRUZ
DATA : 21/05/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Videoconferência (Google Meet)
TÍTULO:

LITERATURA E SOCIOLOGIA NA OBRA DE MICHEL HOUELLEBECQ


PALAVRAS-CHAVES:

Literatura. Mal-estar. Humanismo.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Este trabalho analisa a obra romanesca do escritor Michel Houellebecq, partindo da premissa de que a literatura de modo geral, e a obra do autor francês em particular, possuem dimensões epistêmicas (SEVÄNEN, 2018) e potencial para instaurar discursividade (FOUCAULT, 2001) acerca do mal-estar da civilização contemporânea. A literatura, tal como as ciências humanas, produz orientações discursivas sobre realidades diversas. A questão que se impõe é sobre a possibilidade de atrelar o texto de Houellebecq à condição de fundador de discursividade sobre questões sociais contemporâneas, sobretudo ao mal-estar da civilização atual. É um mal-estar ligado a uma crise do que se chama de “humanismo”, tal como discutida por Heidegger (2005) e, mais recentemente, reelaborada por Peter Sloterdijk (2000; 2008[AG1] ). É não mais um descontentamento decorrente da repressão de um homem primitivo, mas do tensionamento do indivíduo civilizado entre forças inibidoras e desinibidoras. Ecoa, no entanto, a mesma angústia com o declínio do corpo e com o “inferno do outro” presente em Freud (2010). Mais ainda, é também uma crise de instituições fundamentais da modernidade (BAUMAN, 2014). O objetivo central desta pesquisa é analisar esse mal-estar contemporâneo através da articulação entre literatura e sociologia.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1501788 - ALEXSANDRO GALENO ARAUJO DANTAS
Interno - 008.055.544-67 - FAGNER TORRES DE FRANÇA - UFRN
Externo ao Programa - 1352037 - EDMILSON LOPES JUNIOR
Notícia cadastrada em: 12/05/2021 08:55
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa26-producao.info.ufrn.br.sigaa26-producao