Banca de DEFESA: ANA JUDITE DE OLIVEIRA MEDEIROS

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANA JUDITE DE OLIVEIRA MEDEIROS
DATA : 09/06/2020
HORA: 09:30
LOCAL: UFRN
TÍTULO:

O SERTÃO IMAGINADO NAS BACHIANAS BRASILEIRAS DE HEITOR VILLA-LOBOS


PALAVRAS-CHAVES:

Sertão; Bachianas Brasileiras; Villa-Lobos.


PÁGINAS: 194
RESUMO:

A considerar a influência da música popular e folclórica na Série Bachianas Brasileiras de Heitor Villa-Lobos (1887-1959), a tese traz uma perspectiva reflexiva sobre o Sertão nordestino. A Série Bachianas é uma obra musical, que em sua estrutura, remete à música Johann Sebastian Bach (1685-1750), por isso “bachianas”, e nela, cada suíte funde-se de maneira própria com a música folclórica e popular brasileira, especialmente o estilo do choro e a musicalidade sertaneja (NÓBREGA, 1971; KIEFER, 1997; CALDAS, 2010). A pesquisa traz um exame de quatro peças da Série: a Introdução Embolada, a Dança Lembrança do Sertão, o Coral Canto do Sertão e a Ária Cantiga, denominadas de Bachianas Sertanejas. A partir dessas peças, investiga a influência histórica e cultural (HOLANDA, 1982; ORTIZ, 2006; ALBUQUERQUE, 2011) que levaram o compositor a inserir ritmos e melodias característicos da região, como o baião e a canção popular “Ó mana deix’eu ir...”, a fim de compreender sua elaboração imaginária da região. Considerando a problemática da nordestinidade e da regionalidade (ANDRADE, 1989; CASCUDO, 2000) presentes na obra, a pesquisa busca desenvolver as abordagens da linguagem em si, como linguagem das coisas e do homem (BENJAMIM, 2011) e o exercício sociológico (MILLS, 1996) de “olhar” ou “ouvir” uma obra musical e suas possibilidades e conexões sociais. Ademais, sob uma perspectiva musicológica, considera como a internalização das características externas e como elas adquirem outros significados na interpretação, como conduzem o tema ou como se transformam a partir dele (KERMAN, 2011; LOPES, 2014). Dessa forma, a análise das peças da Série Bachianas Brasileiras tem por objetivo suscitar reflexões sobre outro olhar para a região através da linguagem musical.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - EDUARDO JOSÉ TAVARES LOPES - UE
Externo ao Programa - 1777712 - ALESSANDRO DOZENA
Externo ao Programa - 350610 - DANILO CESAR GUANAIS DE OLIVEIRA
Interno - 1693229 - GILMAR SANTANA
Externo à Instituição - HERMANO MACHADO FERREIRA LIMA - UECE
Presidente - 1117908 - MARIA LUCIA BASTOS ALVES
Notícia cadastrada em: 24/05/2020 10:43
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa21-producao.info.ufrn.br.sigaa21-producao