Banca de QUALIFICAÇÃO: FRANCISCO CÉSAR NASCIMENTO BELARMINO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FRANCISCO CÉSAR NASCIMENTO BELARMINO
DATA : 26/06/2019
HORA: 14:00
LOCAL: Sala G4 do Setor II
TÍTULO:

Representações de eficiência em campos sociais: Gestores Públicos Federais e Auditores Federais de Finanças e Controle


PALAVRAS-CHAVES:

Eficiência. Neoliberalismo. Avaliação de Políticas Públicas.


PÁGINAS: 45
RESUMO:

A proposta deste trabalho é debater aspectos da diferenciação dos períodos capitalistas Fordismo e Neoliberalismo, tendo por objeto de estudo as utilizações do conceito de eficiência. Além disso, o estudo delimita o conceito de eficiência na Administração Pública, no Estado, sendo que o público alvo da pesquisa são Auditores Federais de Finanças e Controle – AFFC – e Gestores de Órgãos Federais no estado do Rio Grande do Norte. Desse modo, a pesquisa foi desenvolvida com base em aspectos qualitativos na análise do capitalismo, com intuito de caracterizar dinâmicas capitalistas como fenômenos sociais. A pretensão é identificar aspectos simbólicos que orientam a atuação prática de Auditores de Finanças e Controle e Gestores Federais, quando da utilização do conceito de eficiência. Esses aspectos simbólicos mantêm relação com a realidade material e, portanto, com o contexto da face neoliberal do capitalismo. Assim, o estudo identifica o conceito de eficiência como um saber, cuja produção não é procedida de forma horizontal e sim hierarquizada, atrelada a uma realidade material e de disputa simbólica. Dentro dessa perspectiva será realizada uma descrição de caminhos teóricos e práticos assumidos por alguns procedimentos de Avaliação de Políticas Públicas, tendo em vista a influência decorrente nas atividades desenvolvidas por Auditores de Finanças e Controle e Gestores Federais. Teoricamente este trabalho está fundamentado na utilização de conceitos de Pierre Bourdieu, principalmente de campo, de habitus, de poder simbólico, de capital simbólico. Além disso, por meio do Discurso do Sujeito Coletivo de Lefevre & Lefevre são identificadas as representações sociais de eficiência do público alvo, as quais são analisadas considerando os conceitos de Bourdieu. Também são objeto de análise as legislações nacionais que norteiam a Administração Pública, buscando identificar as adequações em relação aos momentos capitalistas. Como resultado, constatou-se como as representações sociais de eficiência no público alvo assumem um caráter disciplinador, no sentido de proceder uma adequação aos ditames da face neoliberal do capitalismo.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1475558 - LORE FORTES
Interno - 1149332 - LINCOLN MORAES DE SOUZA
Externo à Instituição - WILLIAM GLEDSON E SILVA - UERN
Notícia cadastrada em: 12/06/2019 11:58
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa01-producao.info.ufrn.br.sigaa01-producao