Banca de DEFESA: THIAGO TAVARES DAS NEVES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : THIAGO TAVARES DAS NEVES
DATA : 26/08/2016
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório de Antropologia (Sala C-5 do Setor II)
TÍTULO:

Coração sonoro – afetos, corpos e máquinas nas festas de música eletrônica


PALAVRAS-CHAVES:

Afetação; corpo; música; máquina; festas de música eletrônica.


PÁGINAS: 186
RESUMO:

O objetivo deste trabalho é explorar as diversas sensibilidades e formas de afetar e ser afetado, não só compreendendo os afetos no plano dos sujeitos, mas também os assumindo como fluxos de passagens para formas distintas de expressão e conexão. Nas festas de música eletrônica, os afetos são produzidos e potencializados também por meio das máquinas musicais e sociais que agem diretamente sobre o corpo e alteram o processo de sociabilidade. Os afetos, os corpos e as máquinas  funcionam aqui como operadores conceituais para entender as dimensões sociais, culturais e filosóficas das festas de música eletrônica. Afeto é entendido aqui sob a ótica de Spinoza (1677/2010) como afecção do corpo, uma ação, uma potência de agir que pode ser aumentada ou diminuída. Os afetos nas festas de música eletrônica podem ser provocados pela ação da música sobre os indivíduos, dos participantes entre si ou potencializados por meio das drogas, especialmente o ecstasy, que agem diretamente sobre o corpo. Spinoza (1677/2010) traça duas definições sobre o corpo: na cinética, o corpo está diretamente ligado à relação de velocidades e lentidões, movimento e repouso, é essa relação de velocidades e lentidões que formará o corpo. Já a outra definição é dinâmica, todo corpo se define por certo poder de ser afetado. Os afetos são potencializados também através das máquinas que agem diretamente sobre o corpo. As máquinas são entendidas também como extensões do corpo humano, sistemas de fluxos e cortes com capacidade de produção e criação. As máquinas podem ser artificiais, humanas e sociais. Gilles Deleuze (2010), Félix Guattari (1988) e Edgar Morin (2008) são os principais suportes teóricos para pensar o conceito de máquina. Nas festas de música eletrônica, é possível a conexão entre máquinas artificiais e humanas. Partindo dessa premissa, é possível a conexão entre máquinas artificiais e humanas nas festas música eletrônica, em que foram percebidas diferentes tipos de afetações:  corporais, sonoras, sociais e maquínicas. A afetação está diretamente ligada ao conceito de Spinoza (1677/2010) de afetos e afecções. Remete não só ao estado do corpo quando afeta e é afetado, mas também, à ação, à transformação que o corpo sofre/age quando é afetado ou afeta. Afetação corresponde a todo o processo afetivo. As afetações podem ser sonoras, quando o corpo é afetado por qualquer estímulo sonoro; corporais, quando o corpo é afetado por outro corpo humano; maquínicas, quando é afetado afetados por máquinas e sociais quando o corpo humano se conecta com outro corpo humano ou artificial. O recorte empírico abrange dois festivais de música eletrônica, o King Festival em Recife e o Dream Valley em Florianópolis e festas de música eletrônica situadas em Natal, especialmente a Pajux. O método de pesquisa trata-se de uma cartografia complexa, na qual mesclo o método cartográfico proposto por Deleuze & Guattari (1995) com apoio na epistemologia da complexidade de Edgar Morin (2007a).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 6348127 - JOSIMEY COSTA DA SILVA
Interno - 1501788 - ALEXSANDRO GALENO ARAUJO DANTAS
Interno - 1149447 - NORMA MISSAE TAKEUTI
Externo à Instituição - SIMONE LUCI PEREIRA - UNIP
Externo à Instituição - THIAGO SOARES - UFPE
Notícia cadastrada em: 25/07/2016 14:25
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao