Banca de DEFESA: PAULO LENNON COSTA FRANCA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: PAULO LENNON COSTA FRANCA SILVA
DATA: 31/08/2015
HORA: 15:00
LOCAL: A definir
TÍTULO:

A teoria democrática de Tocqueville segundo seus principais intérpretes no Brasil


PALAVRAS-CHAVES:

Liberalismo. Tocqueville. Intérpretes.


PÁGINAS: 79
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Ciência Política
SUBÁREA: Teoria Política
ESPECIALIDADE: Teoria Política Clássica
RESUMO:

A dissertação tem por objetivo analisar a teoria democrática de Tocqueville e mais especificamente à apropriação de suas concepções teóricas pelos seus principais intépretes no Brasil, argumentando no sentido de evidenciar os limites e insuficiências de suas interpretações de Tocqueville. Será abordado também de alguns clássicos do liberalismo, em especial Tocqueville, que tinham como objetivo deslegitimar ideologicamente e propor “remédios” para neutralizar as lutas populares animadas por reivindicações igualitaristas. O estudo das interpretações da teoria da democracia em Tocqueville por seus principais intérpretes se justifica como sendo pertinente por três razões: pela extensão de produção acadêmica desses autores sobre o tema em questão, pela inserção que estes têm na formação de profissionais nas ciências humanas (cientistas políticos, filósofos etc.) nas instituições em que exercem suas atividades docentes e de pesquisa e pela inserção que suas interpretações sobre Tocqueville tem em aparelhos privados de hegemonia de tradição liberal como é o exemplo do Instituto Liberal.    


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 414603 - HOMERO DE OLIVEIRA COSTA
Externo ao Programa - 4578687 - DANIEL GONCALVES DE MENEZES
Externo à Instituição - DAVIDE GIACOBBO SCAVO - UFGD
Notícia cadastrada em: 21/08/2015 14:26
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao