Banca de QUALIFICAÇÃO: VALÉRIO VERÍSSIMO DE SOUZA BASTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: VALÉRIO VERÍSSIMO DE SOUZA BASTOS
DATA: 19/06/2015
HORA: 15:00
LOCAL: Sala de Reuniões do DCS
TÍTULO:

LIMITES E AVANÇOS DA POLÍTICA DE DESENVOLVIMENTO TERRITORIAL: UMA ANÁLISE DO TERRITÓRIO DA BORBOREMA – PB


PALAVRAS-CHAVES:

Desenvolvimento Territorial; Governança; Atores Sociais


PÁGINAS: 93
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
RESUMO:

Nos últimos anos o debate em torno do desenvolvimento territorial tem sido bastante intenso, principalmente com a emergência em 2003 do Programa Nacional de Desenvolvimento Sustentável de Territórios Rurais (PRONAT), e posteriormente em 2008 com o Programa Territórios da Cidadania (PTC). Este novo ciclo de gestão social que se apoia numa inovação institucional, e com a inserção de dispositivos de governança como mediador deste processo, tem provocado uma série de mudanças políticas e institucionais nos territórios. Neste sentido, fica latente a necessidade do aprofundamento e análise deste processo. Motivo este que tem nos provocado sobre a necessidade de analisarmos e entendermos melhor o funcionamento do dispositivo coletivo de governanças, que no nosso caso é o Fórum de Desenvolvimento Territorial Rural Sustentável da Borborema, e se suas ações possuem alguma coerência com as demandas levantadas pelos atores sociais inserido no Território. Nosso trabalho utiliza como estratégia metodológica o método descritivo e explicativo fundamentado em uma pesquisa qualitativo-quantitativa, com o intuito de realizar uma reflexão teórica e crítica sobre a temática do desenvolvimento territorial, problematizando uma discussão sócio-histórica em torno da governança territorial, percebendo o território como espaço de análise. Pretendemos com isso, realizar a leitura e apreensão sobre o debate em torno da governança territorial e suas implicações sobre os limites e avanços do desenvolvimento territorial. Isso tudo pautado numa articulação com a teoria e com a prática. Por fim, procuramos, com esse esforço analítico, e a partir de algumas hipóteses, demonstrar como as mudanças nas instituições para o desenvolvimento territorial ocorrem ou são bloqueadas e as implicações desse processo para a formatação de políticas públicas e para o processo de desenvolvimento territorial.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1678883 - CIMONE ROZENDO DE SOUZA
Interno - 1121285 - FERNANDO BASTOS COSTA
Externo ao Programa - 1715135 - JOANA TEREZA VAZ DE MOURA
Notícia cadastrada em: 10/06/2015 11:59
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao