Banca de QUALIFICAÇÃO: FABRICIO DE SOUSA SAMPAIO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FABRICIO DE SOUSA SAMPAIO
DATA: 30/06/2015
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório D do CCHLA
TÍTULO:

ENTRE O FACEBOOK E A “POP-ISMO”: AS PERFORMANCES HOMOERÓTICAS DE CORPOS PAQUERADORES.


PALAVRAS-CHAVES:

Paquera. Facebook. “Pop-simo”. Ritual. Performance.


PÁGINAS: 30
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Sociologia
SUBÁREA: Outras Sociologias Específicas
RESUMO:

A paquera é frequentemente definida como a tentativa de aproximação com alguém ou a busca por namoro, aventura amorosa ou sexual. Entretanto, essa busca é tributária de certos regramentos principalmente em relação às suas finalidades, ao objeto paquerado e aos cenários culturais onde ocorre esse processo de aproximação. Durante pesquisas exploratórias na “Pop-ismo” – festa homoerótica mensal realizada na cidade de Sobral – CE e no Facebook, percebi que esse processo seguia rituais através dos quais as performances dos sujeitos estavam envolvidas.  Muitos questionamentos surgiram dessas incursões e dois constituíram na problemática da investigação: quais os rituais e os significados sociais atribuídos para eles nos processos de paquera? E quais são os marcadores sociais do processo ritual de paquera entre homens? A investigação social em andamento é constituída por duas etnografias nestes dois contextos culturais – a “Pop-ismo” e o Facebook. E objetiva analisar as performances homoeróticas com o propósito de refletir a partir das categorias – corpo, ritual e performance – os marcadores sociais envolvidos na paquera.  Para tanto, pretendo: interpretar os marcadores sociais da paquera homoerótica sobralense; identificar e compreender os rituais performáticos dos corpos em situação de paquera homoerótica durante as edições da “Pop-ismo”; discutir os rituais de paquera entre homens no Facebook; e refletir sobre as aproximações e as diferenciações possíveis da paquera homoerótica praticada nos contextos on-line e off-line.  A constatação de que a paquera é um contínuo ritualístico interdependente entre esses contextos é o ponto de partida da investigação. Os principais interlocutores da pesquisa serão: Victor Turner (1974, 1988, 2005), Richard Schechner (1988, 2002), Erving Goffman (2009, 2010, 2011), Judith Butler (2002, 2010) e Berenice Bento (2006). 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1688114 - BERENICE ALVES DE MELO BENTO
Interno - 6348127 - JOSIMEY COSTA DA SILVA
Externo ao Programa - 1753033 - CARLA GIOVANA CABRAL
Notícia cadastrada em: 09/06/2015 20:34
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao