Banca de DEFESA: CHRISTIAN CESAR DE AZEVEDO

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: CHRISTIAN CESAR DE AZEVEDO
DATA: 04/11/2011
LOCAL: Auditório do ECT
TÍTULO:

Controle Robusto para Filtros Ativos de Potência Paralelo


PALAVRAS-CHAVES:

Filtros ativos, controle adaptativo, compensação de harmônicos


PÁGINAS: 220
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
SUBÁREA: Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos
ESPECIALIDADE: Eletrônica Industrial
RESUMO:

As estratégias de controle convencionais de filtros ativos de potência paralelos (Shunt Active Power f ilters - SAPF) empregam esquemas de detecção de harmônicos em tempo real, usualmente implementados com filtros digitais. Isso pode resultar em altos custos devido o aumento no número de sensores na estrutura do filtro. Além disso, esses esquemas de detecção introduzem atrasos que podem deteriorar o desempenho da compensação de harmônicos. Diferentemente dos esquemas de controle convencionais, este trabalho propõe uma nova estratégia de controle que regula indiretamente as correntes de fase da rede elétrica. As correntes de referência do sistema são geradas pelo controle de tensão do barramento CC e são baseadas no balanço de potência ativa do sistema SAPF. As correntes de referência são alinhadas com o ângulo de fase do vetor tensão da rede, que é obtido usando um PLL (Phase Locked Loop). O controle de corrente é implementado por uma estratégia de controle adaptativo por alocação de pólos, integrada com um esquema de controle com estrutura variável (VS-APPC). No VS-APPC, o princípio do modelo interno (IMP) de referência é
usado para eliminar o erro em regime permanente das correntes de fase do sistema. Isso força as correntes de fase do sistema a serem senoidais e com baixo teor de harmônicos. Além disso, os controladores de corrente são implementados no referencial estacionário para evitar transformações nas coordenadas de referência do vetor tensão da rede. Esta estratégia de controle de corrente melhora a performance do SAPF com uma resposta transitória rápida e robusto a incertezas paramétricas. Resultados experimentais são apresentados para demonstrar a eficácia do sistema de
controle proposto para o SAPF.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1196444 - RICARDO LUCIO DE ARAUJO RIBEIRO
Interno - 1149567 - ANDRES ORTIZ SALAZAR
Externo à Instituição - CURSINO BRANDÃO JACOBINA - UFCG
Externo à Instituição - MARCELO CABRAL CAVALCANTI - UFPE
Notícia cadastrada em: 04/10/2011 16:07
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao