Banca de DEFESA: IRIS LINHARES PIMENTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IRIS LINHARES PIMENTA
DATA: 18/06/2012
HORA: 17:30
LOCAL: Setor V Sala D 2
TÍTULO:

Utilização de um Ambiente Virtual  de Aprendizagem: Um Estudo na Perspectiva da Prática Docente.


PALAVRAS-CHAVES:

Prática docente. Sistema de gestão acadêmica. SIGAA

 


PÁGINAS: 98
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Administração
RESUMO:

A tecnologia adentra as organizações independentemente do seu ramo de atuação. As instituições educacionais, por sua vez, vêm incorporando ferramentas tecnológicas que auxiliem sua gestão, bem como podem amparar o docente nas suas atividades docentes a fim de gerenciar melhor suas atividades, como também facilitar a interação com os discentes. Os avanços trazidos pelas tecnologias são visíveis e inerentes às novas dinâmicas contemporâneas, porém cabe levantar estudos acerca da forma como essas tecnologias estão sendo utilizadas. Assim, o objetivo central dessa pesquisa é identificar o perfil de uso das Turmas Virtuais do SIGAA. A pesquisa bibliográfica buscou ser estruturada em dois pilares, a prática das atividades docentes e o sistema de gestão de aprendizagem. A metodologia aplicada ao estudo é do tipo descritiva de natureza quantitativa. No que se refere à amostragem, a pesquisa se caracteriza como censitária, abrangendo todos os 2.152 docentes dos cursos de graduação e pós-graduação da UFRN que utilizaram o sistema de apoio às atividades acadêmicas no período de 2010.2 e 2011.1. Utilizou-se a análise de clusters com o objetivo de segmentar os elementos em dois grupos, um primeiro grupo formado pelos docentes que mais utilizam as ferramentas e um segundo grupo por aqueles que menos a utilizam. A partir dessa segmentação, buscou-se identificar se há diferenças estatisticamente diferentes quanto ao padrão de uso do SIGAA, através das variáveis Idade, Sexo, Tipo de docência (graduação e pós-graduação), Lotação de Centro Acadêmico (CCSA, CT, C&T, CCS, CB, CCET, CCHLA). Após o cruzamento com as variáveis do estudo, a análise evidenciou que há diferenças quanto à utilização dessas ferramentas com os docentes que atuam na graduação em relação aos da pós-graduação.  O grupo mais atuante é de docentes da graduação (49,3%) enquanto os da pós-graduação representam apenas 6,6%. Em relação ao gênero, podemos afirmar que as mulheres (40,1%) pertencem ao grupo dos que mais usam o sistema, enquanto 38,5% dos homens pertencem ao grupo que menos utilizam. Verificou-se que Centro de Ciência e Tecnologia 91% dos docentes não se utilizam das ferramentas disponíveis. Observou-se também que os mais jovens são mais atuantes, no que se refere a 42,5% dos docentes com idade até 37 anos. Assim como os docentes com até 3 anos de instituição também compõem o grupo dos mais atuantes (45,5%). Espera-se que, com esse estudo, os gestores possam direcionar ações para melhorar e ampliar a utilização desse ambiente pelos docentes.

 

 

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 3229319 - APUENA VIEIRA GOMES
Presidente - 349130 - MIGUEL EDUARDO MORENO ANEZ
Externo à Instituição - ROMMEL WLADIMIR DE LIMA - UERN
Notícia cadastrada em: 14/06/2012 09:22
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao