PPGDEM/CCET PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM DEMOGRAFIA ADMINISTRAÇÃO DO CCET Telefone/Ramal: (84) 99474-6779 https://posgraduacao.ufrn.br/ppgdem

Banca de QUALIFICAÇÃO: LUANA DAMASCENO DINIZ

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LUANA DAMASCENO DINIZ
DATA : 06/11/2023
HORA: 16:00
LOCAL: Videoconferência via Gerência de Redes do CCET/UFRN
TÍTULO:

ENVELHECIMENTO E CUIDADO: QUAL O CUSTO DA MUDANÇA NA ESTRUTURA ETÁRIA?


PALAVRAS-CHAVES:

 Trabalho de Cuidado Não Remunerado; Envelhecimento populacional; Uso do tempo.


PÁGINAS: 47
RESUMO:

O trabalho de cuidado é compreendido como as atividades desenvolvidas com o intuito de atender as necessidades básicas relacionadas à vida e à manutenção do domicílio. Desse modo, todas as pessoas são consumidoras do trabalho de cuidado, mas a responsabilidade pela produção das atividades de cuidado historicamente recai sobre as mulheres. Essa estrutura social torna-se ainda mais complexa frente ao processo de transição demográfica, que promove uma transformação da estrutura etária, com a redução da participação proporcional de crianças e aumento da participação dos idosos. Diante disso, o objetivo deste estudo consiste em mensurar o efeito de diferentes regimes demográficos na produção e no consumo do trabalho de cuidado não remunerado para a população total brasileira em 2015. Para isso, o estudo fará uso das estimativas de produção e de consumo do tempo de atividades de cuidados não remuneradas por sexo e idade simples, feitas por Jesus (no prelo) com base na PNAD (2015). Para captar o efeito da variação etária, o estudo irá aplicar, no contexto de 2015, as estruturas etárias da população brasileira de 1970, 2022 e a projetada pelo IBGE para 2055, mediante a utilização da técnica de padronização direta. Além disso, a fim de facilitar a interpretação dos resultados para um público amplo, pretende-se atribuir valores monetários ao tempo dedicado às atividades de cuidados não remuneradas e relacionar essa estimativa com o PIB de 2015, Esse exercício permitirá evidenciar a magnitude e a importância desse trabalho realizado diariamente, principalmente por mulheres, mas invisibilizado na sociedade brasileira, ou seja, permitirá identificar o quanto essas atividades acrescentariam ao PIB, caso fossem valoradas.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1715284 - LUANA JUNQUEIRA DIAS MYRRHA
Interna - 1225734 - JORDANA CRISTINA DE JESUS
Interna - ***.649.538-** - SILVANA NUNES DE QUEIROZ - URCA
Externo à Instituição - FELÍCIA SILVA PICANÇO - UFRJ
Notícia cadastrada em: 03/11/2023 16:47
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao