Banca de DEFESA: SIMONE NABUCO CORREA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : SIMONE NABUCO CORREA
DATA : 04/03/2024
HORA: 09:00
LOCAL: videoconferência / canal YouTube do PPGG https://www.youtube.com/@ppggufrn
TÍTULO:

Modelagem de Reservatórios Fraturados e Carstificados usando Afloramento Análogo de Alta Resolução e Análise de Sensibilidade de Cenários Simulados


PALAVRAS-CHAVES:

Reservatório, Carbonato, Modelo geológico, Simulação, Fraturas, Carste


PÁGINAS: 75
RESUMO:

Este estudo apresenta um fluxo de trabalho multidisciplinar para aprimorar o entendimento de reservatórios carbonáticos fraturados e carstificados e busca desvendar os mecanismos geológicos por trás deste tipo de reservatório, integrando trabalho de campo em afloramentos análogos com correlação regional. O conhecimento adquirido é fundamental para a construção dos modelos geológicos mais realistas e para o gerenciamento desses reservatórios complexos. Utilizamos a Formação Jandaíra, na Bacia Potiguar do Brasil, como um análogo para este tipo de reservatório.  Nossos resultados focaram na caverna Furna Feia, caracterizada por estruturas de dissolução como domos e condutos, com orientação principal para NW-SE. A análise estratigráfica regional identificou padrões de litofácies e correlacionou ciclos de tratos de sistema para mapear camadas mais dissolvidas, relacionando a formação das cavernas à discordância SB-2. A análise estrutural mostra que as falhas rift, cavernas e fraturas têm orientação segundo NW-SE e NE-SW. O modelo geológico regional 3D , cobrindo uma área de 30x14 km com 179 camadas,  integra dados de dois poços, superfícies interpretadas, modelo de fraturas (DFN) e carste, revelando camadas intensamente carstificadas entre as discordâncias SB-1 e SB-2. Com base nisso, propomos uma nova abordagem para a modelagem de carste, que combina condutos e fraturas carstificadas, de acordo com um modelo conceitual abrangente. Quatro modelos foram simulados para avaliar o histórico de produção de água e óleo, similares a reservatórios carbonáticos análogos. A inclusão do carste e fraturas melhora o desempenho, aumentando a produção, mas afeta alguns poços devido aos avanços prematuros da chegada de água. Portanto, um gerenciamento eficaz e planejamento otimizado para os poços é essencial para reservatórios que contenham carste e fraturas. Este fluxo de trabalho multidisciplinar com a criação de modelos geológicos até a simulação de reservatórios e que avalia diferentes cenários, fornece informações sobre resultados potenciais e os riscos associados que influenciaram na tomada de decisão em projetos de desenvolvimento da produção.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - MARCELLE MARQUES ERTHAL - PETROBRAS
Externo à Instituição - DAVID LINO VASCONCELOS - UFCG
Presidente - 350640 - FRANCISCO HILARIO REGO BEZERRA
Externo à Instituição - SÉRGIO VIEIRA FREIRE BORGES - IFRN
Interno - ***.901.818-** - YOE ALAIN REYES PEREZ - UFRN
Notícia cadastrada em: 22/02/2024 12:25
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao