Banca de QUALIFICAÇÃO: VANESSA BANDEIRA DOS SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : VANESSA BANDEIRA DOS SANTOS
DATA : 30/03/2023
HORA: 16:00
LOCAL: Sala de planejamento do NEPI - Núcleo de Educação da Infância
TÍTULO:

O AUXILIAR COMO AGENTE DE INCLUSÃO: uma proposta de ações formativas na Educação Infantil


PALAVRAS-CHAVES:

Auxiliar de creche, Práticas formativas, Inclusão, Educação Infantil, Adaptação.


PÁGINAS: 51
RESUMO:

A partir das inquietações acerca dos processos de trabalho como auxiliar de creche de um Colégio de Aplicação, no exercício laboral com crianças bem pequenas, este trabalho investigativo parte dos questionamentos acerca de quais princípios balizadores configuram o papel do auxiliar e contribuem para inserção/adaptação das crianças bem pequenas com Necessidades Educacionais Específicas (NEE). Para tanto, foi realizada uma pesquisa de cunho qualitativo, que utilizou a metodologia da revisão bibliográfica integrativa, e teve como objetivo identificar e descrever necessidades formativas de auxiliares de sala, com foco nas práticas e estratégias para a inserção/adaptação de bebês e crianças bem pequenas com NEE na Educação Infantil. Partindo do pressuposto de que o planejamento coletivo das ações pedagógicas permeia o processo de inserção/adaptação de crianças bem pequenas com NEE, nesta pesquisa utilizamos como abordagem a revisão bibliográfica integrativa, tendo a interlocução com autores de referência o enredo para discussão das temáticas emergentes, que compõem o corpo do trabalho: cuidar e educar; inserção/adaptação; educação inclusiva na educação infantil; o auxiliar de sala e as necessidades formativas desse adulto que, não sendo docente, atua diretamente nos processos de inserção/adaptação das crianças bem pequenas na educação infantil. Como produto deste trabalho de mestrado profissional apresentaremos uma proposta de oficinas de formação continuada, visando desenvolver/aperfeiçoar/consolidar práticas pedagógicas de adultos que participam do contexto escolar – auxiliar de creche, auxiliar de sala, alunos bolsistas e estagiários. Para o desenvolvimento da proposição das oficinas formativas como estratégia de formação pedagógica, destacamos a importância da sistematização dos processos de aprendizagem e possibilidades inclusivas, ao compreendermos que essa prática reflexiva e criativa no campo de diálogo, interação e estudo, contribui para o desenvolvimento dos profissionais atuantes na Educação Infantil e, consequentemente, para os processos inclusivos no âmbito escolar.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2432915 - MARISTELA DE OLIVEIRA MOSCA
Interna - 3903631 - BLENDA CARINE DANTAS DE MEDEIROS
Externa ao Programa - 4653302 - MARIANNE DA CRUZ MOURA DANTAS DE REZENDE - UFRNExterno ao Programa - 1802327 - SANDRO DA SILVA CORDEIRO - UFRN
Notícia cadastrada em: 27/03/2023 14:55
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao