Banca de DEFESA: LIARA TAVARES CAVALCANTE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LIARA TAVARES CAVALCANTE
DATA: 22/12/2011
HORA: 08:00
LOCAL: Sala de Seminários do LEAP
TÍTULO:

Estudo de modelos composicionais de óleo na injeção contínua de vapor


PALAVRAS-CHAVES:

Injeção contínua de vapor, modelos composicionais, black oil , pseudocomponentes e simulação;


PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Química
RESUMO:

 O objetivo da recuperação térmica é aquecer o reservatório e o óleo nele existente para aumentar a sua recuperação. Na nossa Bacia Potiguar estão localizados vários reservatórios de óleos pesados cuja energia de recuperação primária nos fornece uma pequena vazão de óleo, o que torna tais reservatórios ótimos candidatos para aplicação de um método de recuperação avançada de petróleo, especialmente o térmico. A injeção de vapor pode ocorrer de forma cíclica ou contínua, onde na segunda ocorre a injeção de vapor continuamente através de poços injetores, que em suas proximidades se formam uma zona de vapor que se expande com o objetivo de deslocar o óleo com viscosidade e mobilidades melhoradas na direção dos poços produtores. Outro mecanismo possível de deslocamento do óleo, entre outros, em reservatórios submetidos à injeção contínua de vapor é a destilação do óleo, que a altas temperaturas, suas frações mais leves podem ser vaporizadas alterando a composição do óleo produzido ou residual ou ainda a quantidade de óleo produzida. Nesse contexto, este trabalho objetiva estudar a influência de modelos composicionais na injeção contínua de vapor em conjunto com a análise de alguns parâmetros como vazão de injeção de vapor e temperatura de injeção. Foram realizadas diversas análises comparativas levando em consideração o modelo conhecido como Black oil e outras modelagens de fluidos com diferentes números de pseudocomponentes. Foi utilizado um simulador numérico comercial para o estudo a partir de um modelo de reservatório homogêneo com características similares às encontradas no Nordeste brasileiro. Algumas conclusões como o aumento do tempo de simulação com o aumento do número de pseudocomponentes, a influência significativa da vazão de injeção na produção acumulada de óleo e a pouca influência do número de pseudocomponentes nas vazões e produção acumulada de óleo foram constatadas. 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ABEL GOMES LINS JUNIOR - PETROBRAS
Presidente - 1679234 - JENNYS LOURDES MENESES BARILLAS
Externo ao Programa - 1566922 - LINDEMBERG DE JESUS NOGUEIRA DUARTE
Interno - 1149372 - TARCILIO VIANA DUTRA JUNIOR
Interno - 347559 - WILSON DA MATA
Notícia cadastrada em: 15/12/2011 21:06
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao