Banca de QUALIFICAÇÃO: GABRIEL BESSA DE FREITAS FUEZI OLIVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : GABRIEL BESSA DE FREITAS FUEZI OLIVA
DATA : 16/02/2017
HORA: 08:00
LOCAL: Auditório do LAUT
TÍTULO:
DESENVOLVIMENTO DE UMA ESTRATÉGIA DE CONTROLE PARA UMA UNIDADE DE BOMBEIO INTELIGENTE

PALAVRAS-CHAVES:
Unidade de Bombeio Inteligente, Bombeio Mecânico, Elevação Artificial, Controle de
Processos.

PÁGINAS: 60
RESUMO:
O método de elevação artificial por Bombeio Mecânico (BM) é o mais utilizado nos
poços de petróleo no Brasil e no mundo. Este método se destaca pela sua
simplicidade, baixo custo em investimentos e manutenções, flexibilidade quanto à
vazão de operação e possibilidade de operar com fluidos de diferentes composições e
viscosidades. No entanto, as unidades de bombeio mecânico (UB’s), assim como todo
equipamento mecânico, necessitam de manutenções periódicas sejam elas corretivas ou
preventivas. Dentre as atividades mais comuns de manutenção realizadas nas unidades
de bombeio destacam-se o balanceamento e o ajuste do curso da haste polida. A
realização dessas atividades requer a parada da produção do poço e é feita
manualmente por uma equipe que é deslocada até o local onde se encontra a UB. Nesse
contexto, a Petrobras em parceria com a UFRN e fornecedores desenvolveram uma
unidade de bombeio mecânico, denominada Unidade de Bombeio Inteligente (UBI), capaz
de realizar o balanceamento e o ajuste do curso da haste polida sem a necessidade de
uma equipe se deslocar até a UB. Isto posto, beneficiando-se das vantagens da UBI,
este trabalho se propõe a desenvolver uma estratégia para controlar automaticamente
a Unidade de Bombeio Inteligente. O desenvolvimento dessa estratégia tem por
objetivo garantir que o equipamento tanto opere em condições adequadas e dentro de
seus limites de segurança (previamente definidos pelo operador), quanto otimize a
produção do poço. Com o intuito de se obter a validação da estratégia de controle
proposta para a UBI, foram realizados testes em laboratório utilizando poços
virtuais. Esses testes demonstraram que a estratégia em desenvolvimento conseguiu
apresentar desempenho satisfatório, isto é, controlar a UBI, mantê-la dentro dos
limites pré-estabelecidos pelo operador e otimizar a vazão de produção.

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 350693 - ANDRE LAURINDO MAITELLI
Externo ao Programa - 6350734 - CARLA WILZA SOUZA DE PAULA MAITELLI
Externo ao Programa - 1714956 - RUTACIO DE OLIVEIRA COSTA
Notícia cadastrada em: 06/02/2017 20:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao