PMPQRN/IQ PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM QUÍMICA - REDE NACIONAL INSTITUTO DE QUÍMICA Téléphone/Extension: (84) 3342-2323/136 https://posgraduacao.ufrn.br/PROFQUI

Banca de DEFESA: ABRAÃO DE MATOS FEITOZA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ABRAÃO DE MATOS FEITOZA
DATA : 30/01/2023
HORA: 09:00
LOCAL: https://meet.google.com/aex-bvcx-kjr?pli=1&authuser=1
TÍTULO:

Construção e Aplicação de Protótipo de Reator Utilizando Plataforma Arduino para Discutir Conceitos Relacionados à Estequiometria.


PALAVRAS-CHAVES:

EstequiometriaReação Química;Protótipo de Reator com a plataforma arduino.


PÁGINAS: 100
RESUMO:

No processo de ensino e aprendizagem da química é observado vária dificuldades de entendimento por parte dos estudantes relacionadas ao conteúdo de estequiometria. Dentre elas a falta de compreensão quanto à representação dos três níveis de conhecimento da matéria para expressar simbolicamente a ocorrência de uma reação química, as relações de proporcionalidade entre reagentes e produtos e o reconhecimento de diferentes fases da matéria em um sistema reacional, exigindo dos estudantes elevado nível de abstração do conteúdo para entendimento  de  um  sistema  ou  fenômeno  reacional  ilustrando  como  ocorre  uma  reação química. Neste trabalho foi desenvolvido um equipamento protótipo de reator hermético com a plataforma arduino (PRHA) subdividida em duas etapas, construção de hardware, software e testes do dispositivo (E1); e aplicação em sala de aula (E2), segmentada em seis momentos alocadas em cinco encontros: encontro inicial, identificação de ideias prévias (M1); segundo encontro, aula instrucional e utilização de modelos bola-bastão sobre proporção química (M2); terceiro  encontro,  aula  instrucional    e  utilização  de  modelos  bola-bastão  sobre  reagente limitante e em excesso (M3) e aplicação do RHA (M5); quarto encontro, aplicação do PRHA (M4) e discussão acerca dos conceitos proporção, produto, reagente, expressão química; quinto encontro, segunda aplicação do PRHA (M4) abordando conceitos como reagente limitante e em excesso, expressão química e reação química, finalizando com uma pergunta sobre a aplicação do PRHA e as possibilidades de aprendizagem que os estudantes puderam desenvolver (M6). A proposta foi aplicada para vinte (20) estudantes do 2º ano do ensino médio do Instituto de Educação do Ceará, na cidade de Fortaleza-CE. Os resultados da E1 estão relacionados aos testes feitos com o RHA, são eles: necessidade de seguir as informações da folha de dados do sensor, diminuição do tempo de reação devido ao aumento da superfície de contato, variação instável da concentração de gás detectada no PRHA, e possibilidade de troca de massa externa ao sistema. Na etapa de aplicação, os estudantes apresentaram dificuldades para conceituar reação química, utilizar a simbologia química bem como utilizar o algoritmo matemático de proporção, também foram elencadas concepções alternativas descritas anteriormente na literatura, como a ideia de reagente ativo e passivo e processo de dissolução como sinônimo de reação química, nas explicações dos estudantes prevaleceu o nível macroscópico, mesmo após instrução com modelos submicroscópico bola-bastão. O manejo e aplicação do PRHA pelos estudantes se configurou como um importante momento de discussão sobre o fenômeno em estudo, mas ainda assim, diante do pequeno tempo em que o PRHA foi utilizado, os estudantes deixaram prevalecer o nível macroscópico em detrimento aos demais níveis de representação do conhecimento químico proposto por Johstone (1981).


MEMBROS DA BANCA:
Interna - 1530500 - ANA CRISTINA FACUNDO DE BRITO PONTES
Interno - 3007778 - ANDERSON DIAS VIANA
Presidente - 2525587 - CARLOS NECO DA SILVA JUNIOR
Externa à Instituição - FABIANA ROBERTA GONCALVES E SILVA HUSSEIN - UFBA
Notícia cadastrada em: 20/01/2023 09:33
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao