Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRN

2019
Dissertações
1
  • JULYANA CARDOSO CARVALHO
  • QUESTÕES SOCIOCIENTÍFICAS: UMA ABORDAGEM METODOLÓGICA PARA A FORMAÇÃO INICIAL E CONTINUADA DE PROFESSORES DE CIÊNCIAS DA NATUREZA

  • Orientador : JOSIVANIA MARISA DANTAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSIVANIA MARISA DANTAS
  • MELQUESEDEQUE DA SILVA FREIRE
  • ROZICLEIDE BEZERRA DE CARVALHO
  • Data: 23/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Refletir sobre educação ultrapassa a discussão referente aos conteúdos elencados como específicos para cada nível escolar ou acadêmico. Nesse sentido, a Educação Ciência-Tecnologia-Sociedade (CTS) objetiva alfabetizar cientificamente cidadãos e enfatiza a necessidade de pensar em atitudes e valores que devem ser desenvolvidos à prática cidadã, de forma a capacitar os educandos a se posicionar criticamente frente aos fenômenos que os cercam. Nesta perspectiva, os estudos que contemplam as relações CTS no mundo atual nos níveis da reflexão ética e nas novas tendências educativas, consideram a relevância das questões sociocientíficas (QSC). Estas, por sua vez, pertencendo ao enfoque CTS possibilitam a aprendizagem de significados científicos, sociais e culturais para a formação de professores de Ciências. Considerando tais direcionamentos, este trabalho busca contribuir com a formação inicial e continuada de professores de Ciências da Natureza ao apresentara utilização de questões sociocientíficas como uma proposta metodológica para compor processos de ensino e aprendizagem, nesta área. O percurso metodológico incluiu oficinas voltadas à formação inicial e continuada de professores. Para tanto, a presente investigação possui caráter qualitativo e assume a técnica da Observação Participante. Os instrumentos para coleta de dados configuraram-se em: Questionário Inicial, Material de Apoio para a construção de QSC, Questionário Final e diários de campo. Tais procedimentos, de acordo com a metodologia da Análise de Conteúdo, culminaram na elaboração de categorias a priori para análise dos dados da pesquisa. Como resultado das Oficinas, foi possível identificar pouco conhecimento formal quanto ao Campo de Estudos CTS e sua aplicabilidade à área da Educação. O conhecimento sobre esta abordagem e a utilização de QSC, os habilitou a refletir sobre a Alfabetização Científica e Tecnológica do alunado, bem como a trabalhar com posicionamentos críticos. A promoção destes momentos formativos foi avaliada como “necessária e relevante”, pelos graduandos e professores. A inclusão de QSC, portanto, favoreceu a reflexão quanto aos aspectos sociais, políticos e éticos envolvidos em assun­tos públicos adjacentes ao progresso científico e tecnológico.


  • Mostrar Abstract
  •  

    Reflecting on education goes beyond the discussion regarding the contents listed as specific for each school or academic level. In this respect, the Science-Technology-Society Education (STS) aims to scientifically literate citizens and emphasizes the need to think about attitudes and values that should be developed to citizen practice, in order to enable students to position themselves critically in the face of the phenomena that surround them. In this perspective, the studies that contemplate the STS relations in the world today in the levels of ethical reflection and in the new educational tendencies, consider the relevance of the Socioscientific Issues (SSI). These, in turn, when associated to the STS approach enable the learning of scientific, social and cultural meanings for the formation of science teachers. Considering these orientations, this work seeks to analyze how the construction of SSI can contribute to the initial and continuous formation of teachers of Natural Sciences. The methodological course included workshops aimed at initial and ongoing teacher training. Therefore, the present research has a qualitative nature and assumes the Participant Observation technique. The instruments for data collection were configured in: initial questionnaire, support material for the construction of SSI, evaluation material and field diaries. These procedures, according to the Content Analysis methodology, culminated in the elaboration of a priori categories for the analysis of the research data. As results of the Workshops, it was possible to identify little formal knowledge regarding the STS Field of Studies and its applicability to the Education area. Knowledge about this approach and the use of SSI enabled them to reflect on the Scientific and Technological Literacy of the student, as well as to work with critical positions. The promotion of these formative moments was evaluated as "necessary and relevant" by the undergraduates and teachers. Given the results, it is possible to consider that the success in the formation of the student body depends greatly on a teacher formation committed to the reflection of its practice, being this critical, conscious and liberating. The inclusion of SSI in this context has favored reflection on the social, political and ethical aspects involved in public affairs adjacent to scientific and technological progress.

Teses
1
  • LIVIA CRISTINA DOS SANTOS SILVA
  • A argumentação e a construção e crítica do conhecimento por meio de atividades sobre mudanças climáticas

  • Orientador : MARCIA GORETTE LIMA DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FERNANDA OSTERMANN
  • BERNADETE BARBOSA MOREY
  • MARCIA GORETTE LIMA DA SILVA
  • SUZANI CASSIANI
  • CLAUDIANNY AMORIM NORONHA
  • Data: 11/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • No ensino de ciências a argumentação dialética tem sido estudada em contextos de sala de aula onde se manifesta tanto a crítica como a construção do conhecimento. Segundo Larrain, Freire e Howe (2014, p. 1020) na argumentação dialética “quando os pontos de vista opostos são discutidos e revisados, se requer a coordenação e o exame de diferentes perspectivas, encorajando a reflexão e a revisão da própria perspectiva, e levando a melhorar a organização do conhecimento”. Este estudo investiga como estudantes da educação básica articulam a construção e a crítica de afirmações de conhecimentos no contexto do desenvolvimento de tarefas argumentativas sobre mudanças climáticas. Para tanto, se examina o discurso destes estudantes durante atividades argumentativas promovidas por meio de uma sequência de atividades sobre a temática mudanças climáticas. As atividades ocorreram durante 4 meses, consistindo tanto de aulasexpositivas-dialogadas como tarefas orientadas a argumentação e/ou a análise crítica de informações, exigindo participação ativa do alunado. Em concreto, apresentamos neste texto a análise de uma das atividades realizadas, a qual envolve o debate sobre a perspectiva antropogênica das mudanças climáticas. A coleta de dados ocorreu durante a preparação de argumentos, a execução do debate e a avaliação coletiva do debate. O processo de desenvolvimento das tarefas foi gravado em áudio e vídeo e o conteúdo dos áudios foi transcrito com auxílio do vídeo. As principais questões examinadas na análise das transcrições foram: Em que momentos do processo argumentativo os estudantes expressam a construção ou a crítica de afirmações de conhecimento? Que aspectos doprocesso argumentativo fomentaram expressões de construção ou crítica de afirmações de conhecimento? Como se relacionam a construção e a crítica de afirmações de conhecimento no contexto argumentativo examinado? Para análise dos dados utilizamos o referencial da análise dialógica do discurso que se apoia nos estudos de Bakhtin sobre linguagem. Como resultados identificamos que as formas como os estudantes vão se envolver em construção e crítica são dependentes do tipo de situação comunicativa que se desenvolve. Identificamos também que a crítica e a construção de afirmações de conhecimento se retroalimentam e podem ocorrer de forma simultânea no contexto daargumentação. Pretende-se que as conclusões dessa investigação possam ajudar ainstrumentalizar o trabalho do professor em sala de aula para promover a construção e crítica de afirmações de conhecimento no contexto da argumentação.


  • Mostrar Abstract
  • In science teaching dialectical argumentation has been studied in classroom contexts where both criticism and the construction of knowledge are manifested. According to Larrain, Freire and Howe (2014, p.1020) in the dialectical argumentation "when opposing points of view are discussed and revised, it is required the coordination and examination of different perspectives, encouraging reflection and revision of one's perspective, and leading to better organization of knowledge ". This study investigates how high-school students articulate the construction and critique of knowledge claims in the context of the development of argumentative tasks on climate change. Therefore, the discourse of these students during argumentative activities promoted through a sequence of activities on the theme climate change is examined. The activities took place during 4 months, consisting of both expository-dialogue classes and tasks oriented to argumentation and / or critical analysis of information, requiring students’ active participation. Specifically, we present in this text the analysis of one of the activities carried out, which involves the debate on the anthropogenic perspective of climate change. The data collection took place during the preparation of arguments, the execution of the debate and the collective evaluation of the debate. The task development process was recorded in audio and video and the content of the audios was transcribed using the video. The main questions examined in the analysis of the transcriptions were: At what moments of the argumentative process do students express the construction or criticism of knowledge claims? What aspects of the argumentative process fostered expressions of construction or criticism of knowledge claims? How are the construction and critique of knowledge claims related to the argumentative context examined? To analyze the data, we use the framework of dialogical analysis of discourse that is based on Bakhtin's studies on language. As results, we identify that the ways in which students engage in construction and criticism are dependent on the type of communicative situation that develops. We also identify that the critique and construction of knowledge claims feedback and can occur simultaneously in the context of argumentation. It is intended that the conclusions of this research can help to instrumentalize the teacher's work in the classroom to promote the construction and critique of knowledge claims in the context of the argumentation.

2
  • GUTEMBERG DE CASTRO PRAXEDES
  • CENÁRIO DA EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE EM UMA ESCOLA PÚBLICA DO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Orientador : MAGNOLIA FERNANDES FLORENCIO DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA LUISA QUININO DE MEDEIROS
  • MARIA JOSE NASCIMENTO SOARES
  • MAGNOLIA FERNANDES FLORENCIO DE ARAUJO
  • LUCIANA ARAUJO MONTENEGRO
  • JOSIVANIA MARISA DANTAS
  • Data: 30/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • A preocupação com a qualidade de vida, da nossa e das gerações futuras, requer uma  reflexão profunda sobre o modelo insustentável de viver que adotamos e cujas consequências são percebidas a partir dos sinais emitidos pela Terra. Para a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) o instrumento capaz de enfrentar as circunstâncias desfavoráveis ao desenvolvimento humano é a educação. Em razão disso, reuniu suas propostas apresentadas ao longo dos anos, aos seus Estados-membros, para apresentar a Educação para o desenvolvimento Sustentável (EDS), considerada uma ferramenta possível de ser utilizada em qualquer faixa etária, classe social, em diferentes lugares de aprendizagem, seja ele formal, não formal ou informal, além de ter a possibilidade de transcorrer ao longo da vida e que contribuirá para que os indivíduos obtenham respostas para questões que comprometem o desenvolvimento humano, sejam elas de natureza ambiental, social ou econômica. Para isso, a UNESCO, em conjunto com outros organismos internacionais, patrocinam, promovem e divulgam ações que buscam alcançar a sustentabilidade, em suas diferentes dimensões: ambiental, social e econômica. Para tanto, defendem que para alcançarmos a sustentabilidade, precisamos priorizar e ter uma educação reorientada, ao mesmo tempo comprometida, para um modo de vida, de valores e atitudes voltadas para o desenvolvimento sustentável. Além disso, sugerem investimentos na capacitação e conscientização da população, na produção cientifica e tecnológica e na adequação da legislação ao modo de produção sustentável. Considerando a escola como uma das instâncias para que a EDS aconteça, este trabalho buscou caracterizar o cenário da Educação para a sustentabilidade em uma escola de ensino fundamental do município de Natal (RN). Nesta pesquisa a metodologia envolveu tanto a abordagem quantitativa quanto a qualitativa. Para a obtenção de dados foram utilizados como instrumentos de coleta a pesquisa documental, questionários, entrevista e observações. Sendo que um questionário e as observações foram utilizados de uma formação e oficina ofertadas aos participantes. Os dados recolhidos são apresentados a partir de registros numéricos de ocorrências e citações em tabelas e quadros, além de percentuais em gráficos, assim como há dados que foram explorados levando em consideração aspectos subjetivos, tais como convicções, procedimentos e práticas dos pesquisados, sendo alguns apresentados sob a forma de categorias. Os resultados demonstraram que os referenciais curriculares do município de Natal e o PPP da escola investigada apresentam características da EDS, embora não assumam, na sua redação, o propósito da EDS no sentido estrito, conforme proposto pela UNESCO; há um bom nível de formação em relação ao objeto de estudo, mesmo que um percentual elevado de professores argumente a existência de deficiências nas suas formações e um envolvimento considerável da escola e dos professores com a causa, ainda que essa compreensão não esteja explícita e nem seja, ainda, compreensível para muitos; a formação continuada foi apontada como a necessidade formativa.


  • Mostrar Abstract
  • Concern for the quality of life of our own and of future generations requires a deep reflection on the unsustainable model of living that we adopt and whose consequences are perceived from the signals emitted by the Earth. For the United Nations Educational, Scientific and Cultural Organization (UNESCO), the instrument capable of facing unfavorable circumstances for human development is education. As a result, it has brought together its proposals submitted over the years to its Member States to present Education for Sustainable Development (ESD), considered as a possible tool for use in any age group, social class, whether it is formal, non-formal or informal, as well as being able to go through life and that will help individuals to obtain answers to questions that compromise human development, whether environmental, social or economic. To this end, UNESCO, together with other international organizations, sponsor, promote and disseminate actions that seek to achieve sustainability in its different dimensions: environmental, social and economic. To that end, they argue that in order to achieve sustainability, we must prioritize and have an education that is reoriented and at the same time committed to a way of life, values and attitudes towards sustainable development. In addition, they suggest investments in the training and awareness of the population, in scientific and technological production and in the adaptation of legislation to sustainable production. Considering the school as one of the instances for EDS to take place, this work sought to characterize the Education for Sustainability scenario in a primary school in the city of Natal (RN). In this research the methodology involved both quantitative and qualitative approaches. To obtain data were used as collection instruments the documentary research, questionnaires, interview and observations. Since a questionnaire and the observations were used of a training and workshop offered to the participants. The collected data are presented from numerical records of occurrences and citations in tables and tables, as well as percentages in graphs, as well as data that has been explored taking into account subjective aspects such as convictions, procedures and practices of the researched ones, some being presented in the form of categories. The results showed that the curricular references of the Natal municipality and the PPP of the investigated school have characteristics of ESD, although they do not assume the purpose of ESD in the strict sense, as proposed by UNESCO; there is a good level of training in relation to the object of study, even if a high percentage of teachers argue that there are deficiencies in their training and a considerable involvement of the school and teachers with the cause, although this understanding is not explicit nor is still understandable to many; continued training was pointed out as the formative need.

3
  • ANDREIA VARELA DE MELO
  • EDUCAÇÃO PARA A SUSTENTABILIDADE EM LICENCIATURAS DA ÁREA DAS CIÊNCIAS DA NATUREZA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE: ABORDAGEM CURRICULAR E IDEIAS E ATITUDES DE ESTUDANTES

  • Orientador : MAGNOLIA FERNANDES FLORENCIO DE ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MAGNOLIA FERNANDES FLORENCIO DE ARAUJO
  • MARCIA GORETTE LIMA DA SILVA
  • ANA CARLA IORIO PETROVICH
  • MARIA DA GLORIA FERNANDES DO NASCIMENTO ALBINO
  • MARIA JOSE NASCIMENTO SOARES
  • Data: 31/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Práticas insustentáveis de crescimento concretizadas na multiplicação da pobreza e na crise ambiental planetária encontram-se em decurso acelerado. A esfera educacional não pode nem deve estar alheia a essas questões, particularmente no que se refere aos aspectos éticos, econômicos, tecnológicos e socioambientais.  É nessas circunstâncias que apontamos o interesse por processos de ensino e aprendizagem que problematizem as associações entre Ciência, Tecnologia e Sociedade numa abordagem em que os princípios de uma educação para a sustentabilidade possam ser a base para a formação reflexiva e construção de valores.  Nessa perspectiva, estudos na área de Ensino de Ciências da Natureza vêm se dedicando a investigar as concepções sobre sustentabilidade, de professores em formação na área predita, bem como indicando a promoção de uma formação orientada para educar na perspectiva do desenvolvimento sustentável. Nesse contexto, este trabalho teve como objetivos identificar as ideias e atitudes relacionadas com Sustentabilidade, de licenciandos dos cursos de Química, Física e Biologia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e compreender como os princípios orientadores da educação para a sustentabilidade se apresentam nos Projetos Pedagógicos desses cursos. Utilizando-se de um instrumento que é uma adaptação do questionário de opiniões sobre Ciência, Tecnologia e Sociedade (Views on Science-Technology-Society VOSTS), as concepções sobre Sustentabilidade foram avaliadas em dois níveis: as ideias e as atitudes - uma relação entre o discurso sobre um conceito e os princípios e práticas operativas. As atitudes ou predisposições dos licenciandos em relação ao conceito de sustentabilidade e as ações que acreditam que devam ser colocadas em prática para alcançá-la revelaram que, de certa forma, eles incorporam um discurso correto, mas falta-lhes uma melhor compreensão das consequências das ações humanas na vida do planeta.


  • Mostrar Abstract
  • Unsustainable growth practices in front of the increasing poverty and the planetary environmental crisis are accelerating. The educational sphere can not and should not be oblivious to these issues, particularly with regard to ethical, economic, technological and socio-environmental aspects. It is in these circumstances that we point out the interest in teaching and learning processes that problematize the associations between Science, Technology and Society in an approach in which the principles of an education for sustainability can be the basis for the reflective formation and construction of values. In this perspective, studies in the field of Natural Sciences Teaching have been dedicated to investigate the conceptions about sustainability of teachers in formation in this area, as well as indicating the promotion of training oriented to educate in the perspective of sustainable development. In this context, the objective of this work was to investigate the ideas and attitudes related to Sustainability of students of science teaching courses of Chemistry, Physics and Biology of the Federal University of Rio Grande do Norte and to understand how the guiding principles of education for sustainability are presented in the undergraduate courses in Chemistry, Physics and Biology. Using an instrument that is an adaptation of the Views on Science-Technology-Society VOSTS questionnaire, we sought to identify the Conceptions on sustainability of these students at two levels: the definitions of the concept and the operational principles needed to achieve sustainability - a relationship between the discourse about a concept and the principles and operative practices. The attitudes or predispositions of the graduates in relation to the concept of sustainability and the actions they believe should be put into practice in order to achieve it have revealed that, to a certain extent, they incorporate a correct discourse, but they lack a better understanding of the consequences of human actions in the life of the planet.

2018
Teses
1
  • BONIEK VENCESLAU DA CRUZ SILVA
  • O DESENVOLVIMENTO DO CONHECIMENTO PEDAGÓGICO DO CONTEÚDO REFERENTE À TEMÁTICA NATUREZA DA CIÊNCIA NA FORMAÇÃO INICIAL DE PROFESSORES DE FÍSICA

  • Orientador : ANDRE FERRER PINTO MARTINS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIA TEIXEIRA BARROSO
  • FERNANDA CÁTIA BOZELLI
  • BRENO ARSIOLI MOURA
  • ANDRE FERRER PINTO MARTINS
  • ISAURO BELTRAN NUNEZ
  • Data: 09/03/2018

  • Mostrar Resumo
  • O conhecimento pedagógico do conteúdo (PCK, do inglês Pedagogic Content Knowledge) é um conhecimento desenvolvido ao longo da formação docente e no exercício de sua profissão, caracterizando-se como um conhecimento próprio do professor. Atualmente, ele é utilizado como referencial em pesquisas de formação de professores, principalmente na investigação de como se dá o desenvolvimento de conhecimentos necessários para a prática docente. Dessa forma, entendemos que o PCK pode ser uma ferramenta útil para a compreensão do como os professores desenvolvem estratégias didáticas para a discussão de aspectos da Natureza da Ciência (NdC) na sala. Embora uma definição fechada sobre NdC seja algo bastante criticado na literatura, neste trabalho buscamos compreendê-la como metaconhecimento sobre a ciência, oriundo de diferentes reflexões interdisciplinares. Nesta pesquisa, de natureza qualitativa, buscamos investigar como futuros professores de Ciências/Física, estudantes do curso de Licenciatura em Física e matriculados na disciplina de Evolução Histórica da Física, em situações de ensino-aprendizagem, desenvolvem e mobilizam seus PCK para o ensino de aspectos da Natureza da Ciência (PCK/NdC). Devido à natureza tácita do PCK, utilizamos de várias formas de coleta de dados, como, por exemplo, questionários, entrevistas, diários de reflexão do participante, além das próprias atividades desenvolvidas (sequências didáticas, planos de aula e texto histórico didático). Para análise do desenvolvimento do PCK/NdC, elaboramos um modelo próprio de avaliação, o qual intitulamos de modelo transformativo-reflexivo para avaliação do PCK/NdC. Os dados obtidos nos mostram que os licenciandos, em situações de ensino-aprendizagem, caracterizadas pelo trabalho cooperativo e pela reflexão de suas práticas ou vivências, potencializam o desenvolvimento do PCK/NdC. Outro ponto que merece destaque é a necessidade de uma melhor compreensão de aspectos da NdC e suas relações com o Ensino de Física. Notamos que este fator dá suporte, por exemplo, para a própria percepção dos futuros professores sobre o entendimento dos estudantes da Educação Básica acerca de aspectos da NdC. Notamos, também, lacunas conceituais e metodológicas, principalmente direcionadas ao processo de construção de metodologias de avaliação das propostas pensadas, sinalizando um desenvolvimento pouco produtivo do conhecimento da avaliação de conteúdos metacientíficos. A partir das análises realizadas, embora os licenciandos investigados ainda estejam na fase de amadurecimento dos seus PCK/NdC, sugerimos que os cursos de formação inicial direcionem outro olhar para a questão de como os licenciandos desenvolvem os conhecimentos necessários para o ensino de conteúdos metacientíficos e, por consequência, seus PCK/NdC. Uma saída, emergente da nossa investigação, seria a inserção de mais práticas cooperativas e reflexivas na formação destes professores.


  • Mostrar Abstract
  • The Pedagogical Content Knowledge (PCK) is a knowledge developed in your training phase and practice of the profession, characterizing itself as an own knowledge of the teacher. Nowadays, it is used as a reference in investigation about the teacher training, mainly in the research of how to develop the knowledge necessary for teaching practice. In this way, we understand that PCK can be a useful tool for understanding how teachers develop didactic strategies for discussing aspects of the Nature of Science (NdC) in the classroom. Although a closed definition on NdC is something quite criticized in the literature, in this work we seek to understand it as meta-knowledge about science, coming from different interdisciplinary reflections. This research is of a qualitative approach. We investigate how future Physics/Sciences teachers, in initial teachers course and students of discipline of Historical Evolution of Physics, in teaching-learning situations, develop and mobilize their PCK for teaching aspects of NOS (PCK/NOS). To analyze the development of the PCK/NOS, we developed own evaluation model, which we call a transformative-reflexive model for evaluation of PCK/NOS. The obtained results showed that the licensees in teaching-learning situations, characterized by the cooperative work and the reflection of their practices or experiences, potentiate the development of the PCK/NOS. Other important point is the need for a better understanding of aspects of NOS and its relations with Physics Teaching. The comprehensions about this factor, for example, increase the perception of the future teachers about the understanding of the students of Basic Education about of the some aspects of the NOS. This comprehension is used in the production of the didactic strategies, notabilized as important component of the development of knowledge of the understanding of Science of the students and instructional strategies for the teaching of meta-scientific contents of the licensees. We also detected some conceptual and methodological gaps, mainly directed to the process of construction of methodologies for evaluation of the imaginate proposals, signaling to poorly productive knowledge of meta-scientific content evaluation. With the analyze of dates, put in consideration the phase of better maturation of their PCK/NOS of the licensees, we propose that the initial training courses direct another view to the question of how the graduates develop the necessary knowledge for the teaching of meta-scientific contents and PCK/NdC. A propose for this exit, emerging from our research, would be an insertion of more cooperative and reflexive practices in the formation of these teachers.

2
  • MARCELO SIQUEIRA DE ARAÚJO
  • Um estudo sobre a reconfiguração da orientação para a ação escrever textos argumentativos em Química

  • Orientador : ISAURO BELTRAN NUNEZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIA GORETTE LIMA DA SILVA
  • MARIA ALIETE CAVALCANTE BORMANN
  • ISAURO BELTRAN NUNEZ
  • EDENIA MARIA RIBEIRO DO AMARAL
  • BETANIA LEITE RAMALHO
  • ALESSANDRA CARDOZO DE FREITAS
  • Data: 30/11/2018

  • Mostrar Resumo
  • A produção do conhecimento científico é baseada na criação de explicações sobre o porquê da ocorrência dos fenômenos, estas, por sua vez são avaliadas, elaboradas e comunicadas por meio das vias de comunicação, entre elas, a argumentação através da linguagem oral ou escrita. Escrever textos argumentativos em Química, emerge da interação de habilidades cognitivas, habilidades cognitivo linguísticas e dos elementos característicos de um texto argumentativo que para Galperin, em sua Teoria da Formação Planejada de Ações Mentais e dos Conceitos (TFPAMC), escrever um texto argumentativo em Química é uma ação que transforma-se em habilidade, e sua aprendizagem ocorre por meio da elaboração ou ampliação de sua orientação, estruturada em uma Base de Orientação da Ação (BOA), constituindo-se no objeto de estudo desta pesquisa. O objetivo geral é investigar a influência de uma Experiência Formativa na orientação do licenciando em Química sobre a orientação para a ação escrever textos argumentativos nas aulas de Química. A estratégia metodológica utilizada foi a Experiência Formativa estruturada na Teoria da Formação Planejada de Ações Mentais e dos Conceitos (TFPAMC), tendo como participantes licenciandos em Química da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, campus Natal. Os dados foram coletados a partir da prova pedagógica, do questionário, do caderno de registro e da observação. Os resultados da pesquisa destacam: (a) a aplicabilidade das estratégias empregadas para caracterização do nível de desenvolvimento da habilidade em estudo; (b) a possibilidade de reconfiguração da orientação através do emprego da Experiência Formativa aliada à Teoria Galperin; (c) a viabilidade da análise do processo de reconfiguração a partir dos instrumentos aplicados na Experiência Formativa; e (d) a identificação de fatores que influenciam na reelaboração da orientação.


  • Mostrar Abstract
  • null

SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao