Banca de DEFESA: ADJAEL MARACAJÁ DE LIMA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ADJAEL MARACAJÁ DE LIMA
DATA : 20/03/2018
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do Departamento de Geografia
TÍTULO:

CONDOMÍNIOS HORIZONTAIS FECHADOS E O USO DO SOLO URBANO EM CAMPINA GRANDE-PB (2000-2017)


PALAVRAS-CHAVES:

Moradia. Uso do solo urbano. Condomínios Fechados. Campina Grande.


PÁGINAS: 115
RESUMO:

A moradia na cidade manifesta-se como uma temática para os estudos geográficos, dentre outros motivos, por marcar a paisagem de diferentes formas. Nesse contexto, os condomínios horizontais fechados aparecem como “novas” formas de morar ampliando as possibilidades para a acumulação de capital, no processo de produção do espaço urbano. Em Campina Grande-PB esse tipo de moradia se configurou a partir dos anos 2000 como uma das estratégias utilizadas pelo mercado imobiliário para uso do solo urbano voltado para obtenção de lucro e sobrelucros. Esse estudo tem por objetivo analisar a configuração da produção/organização do solo urbano de Campina Grande considerando a ação do mercado imobiliário na estruturação dos condomínios horizontais fechados como “novas formas de morar”. A base teórica está assentada nas contribuições de David Harvey (1980, 2005, 2011, 2013) quando discute o processo de produção do espaço urbano a partir da lógica de acumulação do capital e da renda da terra e as análises de Ribeiro (2015) que coloca a moradia como mercadoria situada na dinâmica que envolve uso e troca, mercado e consumo. Essas contribuições estão amparadas pelas análises de base dialética sendo a principal forma de abordagem a pesquisa qualitativa que se deu a partir de procedimentos metodológicos como: análise do Plano Diretor Municipal de Campina Grande e de documentos encontrados no site da Secretaria de Planejamento da cidade, observações de campo, análise de anúncios publicitários dos condomínios e dados fornecidos pelo IBGE, também alguns dados  encontrados em trabalhos acadêmicos já desenvolvidos. Dessa forma, esses procedimentos nos permitem aprofundar o entendimento de como os condomínios horizontais fechados se inserem na lógica do mercado imobiliário na cidade, utilizando estrategicamente as vantagens de localização e monopólio para ampliar as possibilidades de negócio da moradia e de uso do solo urbano no contexto social e espacial de Campina Grande.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 6350736 - EUGENIA MARIA DANTAS
Interno - 1777712 - ALESSANDRO DOZENA
Externo à Instituição - LIVIA IZABEL BEZERRA DE MIRANDA - UFCG
Notícia cadastrada em: 14/03/2018 12:05
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao