Banca de DEFESA: ROSEANE CARVALHO VASCONCELOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ROSEANE CARVALHO VASCONCELOS
DATA: 28/02/2012
HORA: 08:30
LOCAL: DEPARTAMENTO DE ODONTOLOGIA
TÍTULO:

Análise imuno-histoquímica das proteínas HIF-α e VEGF na doença periodontal.


PALAVRAS-CHAVES:

Doenças periodontais, imuno-histoquímica, inflamação, Fator de crescimento endotelial vascular.


PÁGINAS: 90
GRANDE ÁREA: Ciências da Saúde
ÁREA: Odontologia
SUBÁREA: Clínica Odontológica
RESUMO:

A doença periodontal é uma condição infecciosa e inflamatória complexa em que a resposta imune do hospedeiro, frente às agressões microbianas, pode conduzir à progressão da doença, resultando em destruição tecidual. Várias moléculas reguladoras participam desse processo, desempenhando papéis protetores e/ou destrutivos. Diante disso, este estudo buscou analisar, de forma quantitativa e comparativa, a expressão imuno-histoquímica do VEGF (Fator de crescimento endotelial vascular) e do HIF-1 α (Fator induzido por hipóxia-1 α), proteínas envolvidas nos processos inflamatórios, angiogênese e hipóxia, em tecidos gengivais humanos. Para tanto, 75 amostras de tecidos gengivais foram examinadas. Destas, 30 foram de periodontite crônica, 30 de gengivite crônica e 15 de tecidos gengivais saudáveis. Foram contadas as células inflamatórias e endoteliais positivas e negativas no tecido conjuntivo fibroso e convertidas em porcentagem. Os dados foram analisados estatisticamente por meio do teste de Kruskal-Wallis e Correlação de Spearman. Os resultados mostraram que ambas as proteínas marcaram positivamente. Foi observada elevada imunoexpressão para HIF-1 α nos espécimes de periodontite e gengivite crônicas em relação aos sítios saudáveis, porém, sem diferenças estatísticas entre elas (p>0,05). Correlação positiva moderada e diferença estatisticamente significativa foram apenas verificadas para as expressões do VEGF e HIF-1α em tecidos gengivais saudáveis (r=0.529; p = 0.04). Desta forma, pode-se concluir que a periodontite crônica, gengivite crônica bem como as gengivas clinicamente saudáveis apresentaram similaridade nas expressões de VEGF e HIF-1 α.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1660087 - BRUNO CESAR DE VASCONCELOS GURGEL
Externo à Instituição - JANAINA CAVALCANTE LEMOS - UnP
Interno - 1258693 - LELIA MARIA GUEDES QUEIROZ
Notícia cadastrada em: 10/02/2012 11:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao