Banca de QUALIFICAÇÃO: EMELYNNE GABRIELLY DE OLIVEIRA SANTOS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : EMELYNNE GABRIELLY DE OLIVEIRA SANTOS
DATA : 21/09/2017
HORA: 09:00
LOCAL: FACULDADE DE CIÊNCIA DA SAÚDE DO TRAIRI
TÍTULO:

ANÁLISE ESPAÇO-TEMPORAL DA MORTALIDADE POR SUICÍDIO NO RIO GRANDE DO NORTE NO PERÍODO DE 2000 A 2015


PALAVRAS-CHAVES:

Suicídio. Mortalidade. Determinantes Sociais da Saúde. Análise espacial. Estudos de Séries Temporais. Anos Potenciais de Vida Perdidos.


PÁGINAS: 91
RESUMO:

O suicídio constitui um dos tipos de mortes violentas mais incidentes no mundo, de modo que as transições demográfica e epidemiológica têm contribuído para o aumento global da carga deste agravo. Apesar da difusão de programas de prevenção do suicídio no Brasil, o panorama de mortalidade por essa causa no país é preocupante, principalmente em algumas regiões em que se observa uma elevação no percentual de óbitos. O objetivo deste estudo foi analisar a distribuição espaço-temporal da mortalidade por suicídio no Estado do Rio Grande do Norte (RN) no período de 2000 a 2015. Trata-se de um estudo ecológico misto que avaliou os óbitos decorrentes de suicídio registrados no RN, ocorridos no período de 1º de janeiro de 2000 a 31 de dezembro de 2015. Os dados dos óbitos foram obtidos no Sistema de Informação sobre Mortalidade, e as informações sobre população foram obtidas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. A análise espacial foi realizada utilizando as taxas brutas, taxas padronizadas e taxas pelos estimadores Bayesianos global e local. A análise univariada foi realizada através do Índice de Moran Global e Local para avaliar a intensidade e significância dos aglomerados espaciais utilizando o software Terraview 4.2. A análise bivariada espacial foi realizada pelo cruzamento entre as variáveis sociodemográficas e as taxas de mortalidade padronizadas por suicídio utilizando o software GeoDa 1.6.1. Os Anos Potenciais de Vida Perdidos foram calculados ao longo da série histórica. Foi aplicada a Regressão loglineal (Joinpoint regression) com taxas padronizadas pela população mundial para estimar o Annual Percentage Change (APC), o intervalo de confiança 95% e os pontos de inflexão da curva, a fim de verificar a tendência de mortalidade por suicídio no RN, utilizando o software Joinpoint 4.5.0. A análise estatística clássica foi aplicada para avaliar a correlação entre as variáveis do estudo e para isso utilizou-se o software SPSS 23.0. Foram registrados 2.266 óbitos por suicídio de 2000 a 2015, sendo a razão entre os sexos de 5:1 no último ano. A análise espacial mostrou fraca autocorrelação espacial (I<0,3) para as Taxas de Mortalidade Padronizadas (TMP) para ambos os sexos, com formação de aglomerados espaciais na Região do Seridó, principalmente, para o sexo masculino. A análise bivariada mostrou formação de clusters na Região do Seridó com as variáveis IDH e Envelhecimento. Os estimadores bayesianos mostraram uma homogeneização das taxas de mortalidade, sobretudo nos municípios com pequenos grupos populacionais. Foram perdidos 63582.5 anos potenciais de vida ao longo da série histórica. Além disso, foi observada uma tendência de aumento da mortalidade no sexo masculino até o ano de 2003 (APC = 15,3%; IC = 9,2-21,8), seguido de um período de estabilidade. Para o sexo feminino, a tendência foi de estabilidade (APC= 0,4%; IC95%=-0,9-1,7). A análise de variância apontou ainda para ausência de diferenças estatisticamente significativa (p>0,05) entre as TMP e o porte dos municípios e regiões de saúde para a maioria dos anos do estudo. Conclui-se que a mortalidade por suicídio no RN está desigualmente distribuída no território, estando associando espacialmente às áreas com os melhores indicadores socioeconômicos. Não há tendência significativa de aumento, porém as diferenças entre as regiões do estado e de acordo com o porte dos municípios aumentaram ao longo da série histórica.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2305247 - ISABELLE RIBEIRO BARBOSA
Interno - 911.028.804-00 - WILTON RODRIGUES MEDEIROS - UFRN
Externo ao Programa - 1231563 - ANA KALLINY DE SOUSA SEVERO
Notícia cadastrada em: 01/09/2017 13:36
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2017 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao