Banca de QUALIFICAÇÃO: SANDRA CRISTINA DE SANTANA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : SANDRA CRISTINA DE SANTANA
DATA : 09/12/2016
HORA: 16:00
LOCAL: NEPSA II - Auditório 1
TÍTULO:

GESTÃO ECOLÓGICA DA INFORMAÇÃO: um estudo aplicado à Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte


PALAVRAS-CHAVES:

Gestão da informação; Modelos de gestão da informação; Instituições de Ensino Superior; Ecologia da informação; Pró-Reitoria de Graduação.


PÁGINAS: 103
RESUMO:

A gestão da informação (GI) tem um papel de destaque em todos os tipos de organizações, incluindo as instituições de ensino superior. Esse destaque é oriundo da percepção da informação como recurso estratégico que resultou em mudanças significativas no comportamento informacional dos colaboradores e nas estruturas das organizações. Outros fatores contribuem para o uso da GI nas universidades, sobretudo quando se observa o crescimento e expansão das instituições de ensino superior federais, principalmente em decorrência da implantação do Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (REUNI), o que resultou em impactos significativos em suas demandas, principalmente no gerenciamento de atividades administrativas e da sobrecarga de informações. Tais demandas exigem que as universidades utilizem ferramentas que melhor gerenciem a busca, a seleção, o tratamento, o armazenamento, o compartilhamento e o uso das informações, evidenciando práticas da gestão da informação com maior relevância. A situação-problema identificada na Pró-Reitoria de Graduação da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PROGRAD/UFRN) é referente às informações de cunho acadêmico necessárias para a realização de seus inúmeros processos de trabalho, onde observa-se uma carência de sistematização, considerando o grande crescimento no número de discentes no ensino de graduação, após a implantação do Programa REUNI. Este estudo justifica-se pela importância que a PROGRAD tem para a instituição, em termos de número de usuários de seus serviços, volume de processos, atividades e documentos circulando em seu interior. Assim, objetiva-se propor um modelo de gestão da informação adequado ao Setor de Gestão das Informações Acadêmicas da PROGRAD/UFRN. Para alcançar o objetivo apresentado, os objetivos específicos são: a) identificar modelos de GI aplicados em outras IES; b) mapear o fluxo informacional existente na PROGRAD, sob a perspectiva da GI; c) caracterizar a funcionalidade da ―pasta eletrônica‖ disponível no sistema acadêmico; d) descrever os processos de trabalho do SeGIA/PROGRAD, quanto ao uso da informação e e) analisar as etapas dos processos de trabalho, à luz da abordagem ecológica da informação. Desenvolveu-se um estudo de caráter qualitativo, de natureza aplicada, descritiva, tendo como estratégia de pesquisa, a pesquisa-ação. A pesquisa foi dividida em quatro etapas: diagnóstico da situação-problema, planejamento do estudo, intervenção e avaliação. Para obtenção de dados foram e ainda serão realizadas: pesquisa bibliográfica, análise documental, aplicação de questionários estruturados, realização de entrevistas individuais semiestruturadas e a observação participante.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1323825 - ANDREA VASCONCELOS CARVALHO
Externo à Instituição - EMEIDE NÓBREGA DUARTE - UFPB
Interno - 2087429 - PEDRO ALVES BARBOSA NETO
Notícia cadastrada em: 01/12/2016 14:23
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao