Banca de DEFESA: REIKA GABRIELLE DANTAS DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: REIKA GABRIELLE DANTAS DA SILVA
DATA: 10/12/2015
HORA: 09:00
LOCAL: A definir
TÍTULO:

“Nem toda pausa é uma vírgula”: uma proposta sintática para o ensino da vírgula no Ensino Fundamental


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino de gramática, Norma culta, Vírgula; Sintaxe.


PÁGINAS: 25
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Sociolingüística e Dialetologia
RESUMO:

Neste trabalho, apresentamos uma proposta de intervenção para o ensino da vírgula no Ensino fundamental. Com base em um diagnóstico no qual apresentamos erros mais frequentes do uso da vírgula cometidos pelos alunos de uma turma do 8º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública de Natal/RN, propomos e aplicamos uma sequência didática adequada à necessidade desses alunos. Defendemos que o ensino da vírgula se dê por meio do ensino de sintaxe, pois observamos que a dificuldade em empregar a pontuação – nesse caso, mais especificamente, a vírgula – decorre da dificuldade que o aluno tem em relação ao reconhecimento dos termos da oração. Na pesquisa, analisamos textos dos alunos de uma turma do 8º ano do Ensino Fundamental de modo a averiguar quais são os principais desvios relacionados ao emprego da vírgula. Realizamos, então, um diagnóstico com os desvios mais frequentes e elaboramos uma sequência didática que permitisse ao aluno refletir sobre a sintaxe da sua língua e sobre o emprego da vírgula. Os resultados aqui apresentados mostram que os erros mais frequentes no uso da vírgula estão associados à ausência de vírgula em adjuntos/subordinadas adverbiais e o emprego inadequado entre termos complementos da oração. Apesar das dificuldades apresentadas durante a intervenção, os resultados obtidos foram muito produtivos no que diz respeito à ausência de vírgula entre orações subordinadas adverbiais ou adjuntos adverbiais, mas não tão produtivos no emprego da vírgula entre sujeito e predicado. No entanto, observamos que a sequência didática trabalhada permitiu que os alunos tivessem outro olhar sobre o emprego da pontuação, o que acabou interferindo positivamente no emprego ou não da vírgula em alguns casos não contemplados pela sequência aplicada em sala de aula.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1717429 - MARCO ANTONIO MARTINS
Interno - 1551756 - EDVALDO BALDUINO BISPO
Externo à Instituição - SILVIA RODRIGUES VIEIRA - UFRJ
Notícia cadastrada em: 13/11/2015 09:12
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2018 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao