Banca de DEFESA: KÉSIA KARINA DE OLIVEIRA SOUTO

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: KÉSIA KARINA DE OLIVEIRA SOUTO
DATA: 01/07/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

Desenvolvimento de Membranas Porosas de Alumina para fins de Tratamento de Efluente Industrial Têxtil


PALAVRAS-CHAVES:

alumina; membranas cerâmicas porosas; efluente industrial têxtil; filtração.


PÁGINAS: 185
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:

A produção têxtil tem sido considerada uma atividade de alto impacto ambiental, devido à geração de grandes volumes de rejeitos com alta carga de compostos orgânicos e efluente fortemente colorido, tóxico e difícil biodegradabilidade. O presente trabalho trata da obtenção de membranas cerâmicas porosas de alumina para utilização em filtração de efluente industrial têxtil para a remoção de contaminantes, em especial, cor e turbidez. Utilizou-se dois tipos de alumina com granulometrias diferentes, como base para o preparo de formulações de massas cerâmicas para a produção dos corpos de prova e membranas. As propriedades tecnológicas dos corpos de prova foram avaliadas após suas sinterizações nas condições de: 1350°C – 2H, 1450°C – 30M, 1450°C – 2H, 1475°C – 30 M e 1475°C – 2H. Foram caracterizadas por DRX, FRX, AG, TG, DSC, DL, AA, MEA, RL, MRF-3P e MEV.  O efluente têxtil industrial foi fornecido por uma Indústria têxtil do RN, e caracterizando nos pontos de entrada e saída da ETE, utilizou-se um tratamento estatístico dos resultados analisados no efluente através dos seguintes parâmetros: pH, temperatura, SS, SD, óleos e graxas, turbidez, DQO, OD, fósforo total, cloretos, fenóis, metais e coliformes termotolerantes. O permeado, resultante dos ensaios de filtrabilidade através das membranas cerâmicas, será avaliado pelos mesmos parâmetros.  Através da caracterização dos corpos de prova, definiu-se uma formulação padrão, com a sua respectiva condição de sinterização, para os ensaios de filtrabilidade. Os resultados parciais obtidos mostram a viabilidade no uso de membranas cerâmicas porosas de alumina para a remoção de contaminantes de efluente industrial têxtil.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1300987 - CARLOS ALBERTO PASKOCIMAS
Externo ao Programa - 2941160 - JOSE HERIBERTO OLIVEIRA DO NASCIMENTO
Externo ao Programa - 6346998 - RASIAH LADCHUMANANANDASIVAM
Externo à Instituição - ANDARAIR GOMES DOS SANTOS - UFERSA
Externo à Instituição - LUIZ PEREIRA DE BRITO - FUNPEC
Notícia cadastrada em: 25/06/2013 09:47
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao