Banca de QUALIFICAÇÃO: DANIEL ARAÚJO DE MACEDO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: DANIEL ARAÚJO DE MACEDO

DATA: 13/10/2010

HORA: 09:00

LOCAL: A confirmar

TÍTULO:

Processamento e caracterização eletroquímica de células a combustível de óxido sólido simétricas do tipo anodo/eletrólito/anodo: estudo de cermets Ni-CGO one step synthesis


PALAVRAS-CHAVES:

nanocompósito, cermet Ni-CGO, compatibilidade química, resistência específica por área, SOFC.


PÁGINAS: 120

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica

RESUMO:

Cermets porosos de Ni-Ce0,9Gd0,1O1,95 (Ni-CGO) vem sendo largamente usados como anodos para a oxidação eletroquímica de combustíveis tais como hidrogênio, gás natural, biogás, diesel, metanol e etanol em células a combustível de óxido sólido. O desempenho eletroquímico destes anodos depende fundamentalmente da extensão dos chamados contornos de tripla fase, sítios eletroquimicamente ativos onde poros, eletrólito sólido e metal estão em contato. Neste contexto, este trabalho teve como objetivo principal avaliar a potencialidade de nanopós de NiO-Ce0,9Gd0,1O1,95 (NiO-CGO) como materiais de anodo em células a combustível simétricas do tipo anodo/eletrólito/anodo. O nanocompósito de NiO-CGO foi obtido por uma nova rota química recentemente desenvolvida e denominada pelos pesquisadores da UFRN como one step synthesis.  A compatibilidade química e a resistência específica por área de cermets Ni-CGO one step synthesis, em combinação com diferentes materiais de eletrólito produzidos na Universidade de Aveiro, foram investigadas utilizando técnicas avançadas de caracterização de materiais. Ênfase foi dada na caracterização eletroquímica de células simétricas utilizando a técnica de espectroscopia de impedância eletroquímica. O comportamento catalítico e a microestrutura dos cermets também foram investigados após impregnação com um precursor do óxido de praseodímio. Os principais resultados indicaram que a nova rota química para obtenção de nanopós de NiO-CGO não apenas reduz o tempo total para o processo de síntese quando comparada ao tradicional método de mistura de óxidos, mas também produz um nanocompósito in situ que tem características microestruturais que aumentam os contornos de tripla fase no anodo, contribuindo para aumentar sua atividade eletroquímica.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1298936 - ANTONIO EDUARDO MARTINELLI
Interno - 1300987 - CARLOS ALBERTO PASKOCIMAS
Presidente - 1350249 - RUBENS MARIBONDO DO NASCIMENTO
Notícia cadastrada em: 04/10/2010 08:11
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao