Banca de QUALIFICAÇÃO: ISMAR PAULO SIQUEIRA DE ANDRADE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
Discente: ISMAR PAULO SIQUEIRA DE ANDRADE
Data: 05/05/2016
Hora: 09:00
Local: Sala de Reuniões Demat
Título:

ESTUDO E CARACTERIZAÇÃO DE COMPÓSITOS CERÂMICOS COM DIATOMITA, α-AL2O3 E ZRO2 3%Y PARCIALMENTE ESTABILIZADA- 3%Y-TZP, COM PROPRIEDADES MECÂNICAS


RESUMO:

A diatomita é um minério fossilizado de algas diatomácias de origem sedimentar oriundo do período terciário e quaternário, com alta abrasividade e porosidade, utilizado, principalmente, no segmento de filtração, absorventes, fábricas de cimento, carga e outros. Os Estados Unidos são um dos grandes consumidores e produtores do mundo, correspondendo a 36% e a China com 20%. No Brasil, a Bahia e Rio Grande do Norte são os maiores produtores, correspondendo respectivamente a 45% e 25%. A diatomita é formada, em sua maior parte, por sílica hidratada e impurezas como quartzo, óxidos de ferro, de alumínio, sódio, potássio, cálcio, magnésio, titânio, argilas, matéria orgânica e outros. Em nosso estudo, foi avaliado a viabilidade técnica da utilização da diatomita cominuida em um compósito cerâmico, caracterizando e focando principalmente nas propriedades mecânicas. A diatomita, após cominuição por 20 horas em moinho de bolas, atingiu D90 igual a 11,40μm, e foi agregada ao compósito cerâmico contendo α-Al2Oe ZrOparcialmente estabilizada com 3%Y, adquirida comercialmente e com granulometria D90 2,86μm e 7,68μm respectivamente. Os corpos de prova foram conformados em uma prensa uniaxial com aplicação de pressão de compactação de 270Mpa. Foram desenvolvidos duas séries experimentais: D1A e D2A, com percentuais variados em suas formulações e sinterizados de forma convencional, com patamares compreendidos entre 1350oC a 1600oC e, em sua maioria, com tempo de permanência em 120min. Foram realizados ensaios tecnológicos para caracterização das matérias primas e sinterizados por granulometria, FRX, DRX, MEV, dilatometria, TG, DSC, μv, Rlq, μapa, μreal, PA, AA, microdureza Vickers e σmx. Em diversas formulações foram encontrados principalmente, a formação das fases: mulita, conrundum, zircônia tetragonal monoclínica. Os corpos de prova da formulação R6D1A, ciclo térmico com um patamar de 1600oC, taxa de aquecimento de 5oC/min, tempo de permanência de 120 min, obtiveram o melhor resultado geral de microdureza 1662HV. O melhor resultado para a σmx, foi na amostra da formulação R6D1AZ10, com um valor de 114,7Mpa. A partir do processo empregado de sinterização nesta pesquisa, do ponto de vista técnico, é viável a utilização de diatomita particulada em compósitos com α-Al2O3 e ZrO2 para aplicações com exigências de propriedades mecânicas de microdureza e resistência a flexão.


PALAVRAS-CHAVE:

 Diatomita; compósito cerâmico; propriedades mecânicas; microdureza


PÁGINAS: 175
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1300987 - CARLOS ALBERTO PASKOCIMAS
Externo à Instituição - MAXYMME MENDES DE MELO - IFRN
Interno - 1350249 - RUBENS MARIBONDO DO NASCIMENTO
Notícia cadastrada em: 02/05/2016 08:07
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao