Banca de DEFESA: ELVIO ANTONINO GUIMARAES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ELVIO ANTONINO GUIMARAES
DATA: 20/12/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do Laboratório de Cimentos
TÍTULO:

Efeito da adição de fibras da palma do licuri (syagrus coronata) no comportamento físico e mecânico de compósitos de matriz cimentícia


PALAVRAS-CHAVES:

compósito, sistemas construtivos, fibras vegetais, licuri, tenacidade.


PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Materiais e Metalúrgica
RESUMO:

A exigência da substituição do amianto em sistemas construtivos em conjunto com a necessidade de geração de renda no sertão da Bahia fez nascer o projeto do aproveitamento da fibra da palma do licuri (syagrus coronata), palmeira abundante na região, na produção de compósitos para a fabricação de telhas e placas de vedação de maneira sustentável, em pequenas unidades fabris. Os compósitos foram produzidos em laboratório utilizando cimento Portland CP II-F32, areia, água, metacaulinita e fibra da palma do licuri. Esta em teores de 1,0, 1,5 e 2,0% em massa de aglomerante e com dois comprimentos de fibra diferentes. A metacaulinta foi selecionada como aglomerante suplementar pela sua eficiência na redução da alcalinidade da matriz cimentícia de forma a reduzir ou até mesmo eliminar a degradação das fibras vegetais em meio alcalino. Foram realizados ensaios de caracterização dos component es do compósito, incluindo granulometria, análise térmica, fluorescência e difratometria de raios-X. A verificação do desempenho dos compósitos foi feita com ensaios de flexão em três pontos, resistência à compressão axial, módulo de elasticidade por ultrassom, retração livre e restringida, absorção de água por capilaridade e massa específica aparente. Verificou-se que a presença das fibras de licuri aumentou a tenacidade do material acima de 46% para fibras de tamanho médio com teores de 1,5 e 2,0%. Também foi observada a redução da retração linear em torno de 12% para ambos os tamanhos de fibras, redução na absorção capilar entre 30 e 50%, quando comparados com os materiais sem fibras. Observou-se também que, com relação à resistência a flexão, compressão axial e massa específica aparente, a adição de fibras não afeta o desempenho dos materiais, apresentando resultados similares para materiais com e sem fibras. De uma maneira geral pode-se afirmar que os compósitos reforçados com fibras da palma do licuri apresentam características físicas e mecânicas que viabilizam sua aplicação dentro das condições estabelecidas neste trabalho.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ANA CECILIA VIEIRA DA NOBREGA - UFPE
Presidente - 1298936 - ANTONIO EDUARDO MARTINELLI
Interno - 347420 - MARCUS ANTONIO DE FREITAS MELO
Interno - 1350249 - RUBENS MARIBONDO DO NASCIMENTO
Externo à Instituição - ULISSES TARGINO BEZERRA - IFPB
Notícia cadastrada em: 04/12/2013 08:11
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao