Banca de QUALIFICAÇÃO: MARIA LAURA DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARIA LAURA DA SILVA
DATA : 17/12/2021
HORA: 19:30
LOCAL: Virtual - Google Meet
TÍTULO:

LETRAMENTO ESCOLAR NO AMBIENTE PEDIÁTRICO HOSPITALAR

 


PALAVRAS-CHAVES:

Letramento laboral do Professor. Classe hospitalar. Aluno-paciente.


PÁGINAS: 81
RESUMO:

A inserção da escola no ambiente hospitalar, representada pelas classes hospitalares, desempenha um importante trabalho na manutenção da criança e do adolescente em suas atividades escolares, e consequentemente, nos letramentos desses indivíduos. Nesse sentido, o principal objetivo desta pesquisa consiste em depreender, à luz dos Estudos de Letramento, como se desenvolve o trabalho dos professores (as) que atuam no Atendimento Educacional Hospitalar e Domiciliar a alunos-pacientes em processo de internamento, em classe hospitalar de um hospital público, localizado na capital do estado do Rio Grande do Norte. A pesquisa proposta situa-se teoricamente no âmbito da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2006; KLEIMAN, 2019), mais especificamente nos Estudos de Letramento (HEART, 1982; STREET, 1984, BARTON, 2000; BAYNHAM, 1995; KLEIMAN, 1995, 2005; ROJO, 2009), inclusive no letramento laboral (PAZ, 2008), nos estudos de saúde e psicologia (OLIVEIRA; MAIA, 2012) e escolarização hospitalar (RODRIGUES, 2012; BEHRENS, 2014; CASTRO, 2014; SANTOS; SOUZA, 2014). Metodologicamente, a investigação é de natureza qualitativa interpretativista (MOITA LOPES, 1994; BODGAN; BIKLEN, 1994; MOREIRA; CALEFFE, 2006). As análises apontam para uma ressignificação da prática docente no contexto hospitalar, levando em conta um fazer profissional que coloca em primeiro plano a saúde do aluno-paciente. Para tanto, os letramentos são mediados pelos brinquedos, jogos educativos, atividades lúdicas e pela participação de outros profissionais, tais como: médicos, psicólogos, assistentes sociais, nutricionistas, dentre outros. Além disso, os eventos e práticas de letramentos impactam diretamente esses alunos-pacientes, pois a ociosidade e o medo da doença são fatores que podem ser minimizados durante as aulas, além de contribuir também para a permanência deles em suas escolas de origem, pós período de internamento. A relevância deste estudo consiste na sua contribuição para os estudos que versam sobre os letramentos, sobretudo, no que diz respeito ao letramento escolar e ao letramento laboral no contexto hospitalar. Além da contribuição acadêmico-científica, o trabalho também apresenta contribuição social na medida em que discorre sobre um atendimento oferecido aos alunos-pacientes, o qual ainda tem pouca visibilidade fora da esfera hospitalar.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1674285 - ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
Externa ao Programa - 349683 - JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
Externa à Instituição - NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO - UERN
Notícia cadastrada em: 09/04/2021 10:32
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa10-producao.info.ufrn.br.sigaa10-producao