Banca de DEFESA: JANDARA ASSIS DE OLIVEIRA ANDRADE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JANDARA ASSIS DE OLIVEIRA ANDRADE
DATA : 31/07/2020
HORA: 14:30
LOCAL: Videoconferência via meet
TÍTULO:

EMBATES DE UMA MULHER PROFANA: UMA ANÁLISE DIALÓGICA DA CONSTRUÇÃO DE BELLA SWAN NA FIC BLOODY LIPS


PALAVRAS-CHAVES:

Fanfiction. Vozes sociais. Feminino. Relação dialógica. Identidade.

 


PÁGINAS: 162
RESUMO:

Esta pesquisa realiza uma investigação acerca da constituição da personagem Isabella Swan na fanfiction (ficção de fã) Bloody Lips. Com base nos estudos do Círculo de Bakhtin (2011, 2015a, 2015b, 2016), este estudo considera a fanfic como um texto que está em dialogia com uma matriz. Essa relação é indissociável, pois o sentido daquele só pode ser estabelecido por essa ligação. Além disso, os sujeitos que realizam essa prática escriturística subvertem os textos matrizes, a fim de inserirem suas marcas de subjetividade neles. Assim, personagens, universos narrativos e enredos são apropriados e moldados a partir dos posicionamentos valorativos e ideológicos dos fãs. Nesta pesquisa, o foco é a constituição da personagem feminina, por refratar as vozes sociais que enunciam discursos acerca do feminino bem como a relação dialógica (BAKHTIN, 2011) com a personagem no texto matriz (Saga Crepúsculo, escrita por Stephanie Meyer). Para compreender a forma como a identidade da personagem é formada, foram utilizados os pressupostos teórico-metodológicos do Círculo de Bakhtin, principalmente, no que concerne à prima filosofia, à linguagem, ao enunciado concreto, ao dialogismo, à bivocalidade e à constituição do sujeitos (a noção de acabamento e incompletude). Além disso, as discussões de Henry Jenkins (2009; 2015), sobre fandom e as práticas dos fãs, e Anne Jamison (2017) acerca da constituição histórica da fanfic foram somadas à discussão. Para completar o arcabouço teórico da pesquisa, os estudos feministas, com ênfase, nos textos de Heleieth Saffioti (1987) e Naomi Wolf (1992) foram introduzidos. A opção pelo uso de estudos de diferentes áreas é justificado por esta pesquisa estar inserida na Linguística Aplicada, área do conhecimento em que as pesquisas são realizadas nas fronteiras com outras áreas das Ciências Humanas. Ao fim, esta pesquisa compreende que a identidade de Isabella Swan, em Bloody Lips, é construída dialogicamente, por meio do embate entre as vozes sociais que são materializadas no processo de escrita, sobretudo com o discurso religioso, o qual constrói imagens femininas dentro da dicotomia sagrado x profano.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1149420 - MARIA DA PENHA CASADO ALVES
Interna - 3654056 - JENNIFER SARAH COOPER
Externa à Instituição - LUCIANE DE PAULA - UNESP
Notícia cadastrada em: 15/07/2020 10:53
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa02-producao.info.ufrn.br.sigaa02-producao