Banca de DEFESA: ARISBERTO GOMES DE SOUZA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ARISBERTO GOMES DE SOUZA
DATA : 29/11/2018
HORA: 08:30
LOCAL: Auditório B CCHLA
TÍTULO:

OS USOS SOCIAIS DA ESCRITA DE JOVENS ESTUDANTES DO ENSINO MÉDIO COMO ELEMENTOS PARA RESSIGNIFICAÇÃO DO ENSINO-APRENDIZAGEM DA LÍNGUA PORTUGUESA: UMA EXPERIÊNCIA COM PROJETO DE LETRAMENTO



PALAVRAS-CHAVES:

Usos sociais da escrita. Ressignificação do ensino-aprendizagem. Projetos de letramento. Protagonismo do aluno.


PÁGINAS: 263
RESUMO:

Na escola em que se situa este estudo, o ensino-aprendizagem costuma estar atrelado, de alguma forma, aos mecanismos de avaliação ou de aferição da aprendizagem institucionais que parametrizam as práticas das escolas de Ensino Médio. Há uma forte preocupação em utilizar estratégias que reforcem a participação dos alunos e os tornem aptos a obter sucesso em exames como ENEM e SAEPE. Assim, as estratégias de ensino acabam perdendo em multiplicidade, limitando alternativas e, em virtude disso, fazendo com que não percebamos que existem outras possibilidades de ação. Em língua portuguesa, por exemplo, as estratégias de ensino concernentes à produção textual parecem uniformes e o currículo relativo a esse aspecto chega a se basear apenas nos conteúdos dessas avaliações, evidenciando determinadas noções e procedimentos. Em busca de alternativas que redimensionem essa lógica de ensino, que evidencia mecanismos de controle, seleções classificatórias e aparatos burocráticos conectados às avaliações, decidimos explorar a ideia de projeto de letramento (KLEIMAN, 2000), um dispositivo didático baseado em princípios éticos e solidários, que favorecem a inclusão e a participação dos educandos na diversidade da cultura letrada, ampliando suas possibilidades de emancipação social. Motivados, então, a explorar outras possibilidades de ensino-aprendizagem, objetivamos, com esta pesquisa, refletir sobre como os usos sociais da escrita de jovens estudantes do Ensino Médio, problematizados à luz do referencial teórico-metodológico dos projetos de letramento, podem contribuir para a ressignificação do ensino-aprendizagem. Para tanto, projetamos os seguintes objetivos específicos: investigar os usos sociais da escrita externos à escola por estudantes do ensino médio; problematizar os achados de pesquisa à luz do referencial teórico-metodológico dos projetos de letramento; e desenvolver um projeto de letramento que leve em consideração os aspectos contextuais e que nos auxilie na ressignificação do ensino-aprendizagem da escrita. Fundamentamos as discussões, principalmente, no aporte teórico dos estudos do letramento (BARTON, 1991; BARTON; HAMILTON, 1998; KLEIMAN, 1995a, 1995b; OLIVEIRA, 2010a; STREET, 1984, 2014) e nos projetos de letramento (KLEIMAN, 2000; OLIVEIRA, 2008, 2010a; OLIVEIRA; TINOCO; SANTOS, 2011). Metodologicamente, inserimo-nos no campo da Linguística Aplicada (MOITA LOPES, 2006) e tomamos como paradigma o qualitativo (DENZIN; LINCOLN, 2006) com abordagem de pesquisa orientada pelo estudo de caso (ANDRÉ, 2005). Compreendemos, a partir das nossas análises e discussões que o projeto de letramento contribui de maneira relevante aos propósitos didático-pedagógicos comprometidos com um ensino produtivo de escrita, que preza pelo dinamismo e reconhece o protagonismo do aluno e a importância do seu contexto. Esse dispositivo didático se mostrou capaz de fomentar o compartilhamento de conhecimentos e experiências, vincular as práticas escolares àquelas advindas dos diversos domínios sociais e ampliar a competência comunicativa e escritora dos estudantes, bem como a sua inserção e emancipação no meio social.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 332207 - MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
Externo ao Programa - 2319774 - VANIA APARECIDA COSTA
Externo à Instituição - JULIANA ALVES ASSIS
Externo à Instituição - ANGELA DEL CARMEN BUSTOS ROMERO DE KLEIMAN - UNICAMP
Externo à Instituição - IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES - IFRN
Notícia cadastrada em: 24/10/2018 11:06
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao