Banca de DEFESA: EMANUELLE PEREIRA DE LIMA DINIZ

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : EMANUELLE PEREIRA DE LIMA DINIZ
DATA : 02/12/2016
HORA: 14:00
LOCAL: A definir
TÍTULO:

A CONSTRUÇÃO DE SENTIDO EM TEXTOS MULTIMODAIS: uma análise dos processos conceptuais e inferenciais a partir da leitura de charges sobre a copa do Mundo 2014


PALAVRAS-CHAVES:

Linguística Cognitiva. Leitura de charges. Conceptualização. Inferências.


PÁGINAS: 178
RESUMO:

Este trabalho fundamenta-se nos princípios teóricos da Linguística Cognitiva e tem como objetivo principal investigar como ocorrem os processos de conceptualização e a construção de inferências a partir das leituras de charges relacionadas à Copa do Mundo de Futebol 2014. Partindo da hipótese de que conceptualizar e inferir consistem em processos mentais que possibilitam ordenar e dar sentido ao mundo por meio das experiências perceptuais e sociais de cada ser num determinado ambiente, faz-se necessário recorrer às noções de categorização (LAKOFF; JOHNSON, 1999), Modelos Cognitivos Idealizados – esquemas de imagem (JOHNSON, 1987; LAKOFF, 1987), modelos proposicionais (LAKOFF, 1987) e modelos metonímicos e metafóricos (LAKOFF; JOHNSON, 1980; LAKOFF, 1987; FELTES, 2007) – e inferências (LAKOFF, 1993). Para realização deste estudo, o corpus selecionado é composto por 15 (quinze) textos elaborados por alunos da 2ª série do Ensino Médio noturno de uma escola da rede pública estadual, situada em Natal/RN. Tendo em vista o referencial teórico e a natureza dos dados, adota-se a metodologia qualitativa (CASSEL; SYMON, 1994; GOLDENBERG, 1999) apoiada no paradigma da introspecção (TALMY, 2005), que parte das percepções individuais do pesquisador diante de um objeto a ser estudado. A partir da análise, atesta-se que a interação entre os elementos verbais e visuais dispostos nas charges atuam como guias de sentido e envolvem diversas percepções ancoradas nos saberes individuais e partilhados entre os alunos. Verifica-se ainda nas produções textuais que alguns alunos ultrapassam o entendimento das pistas fornecidas pelos textos multimodais, evidenciando a importância dos Modelos Cognitivos Idealizados (LAKOFF, 1987) na fundamentação desta pesquisa. Dessa maneira, ratifica-se o pressuposto cognitivista de que a conceptualização e, consequentemente, a construção de inferências são atividades cognitivas complexas que envolvem experiências de corpóreas e sociais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1551756 - EDVALDO BALDUINO BISPO
Interno - 1675404 - PAULO HENRIQUE DUQUE
Externo ao Programa - 3891450 - ADA LIMA FERREIRA DE SOUSA
Externo à Instituição - ANA FLÁVIA LOPES MAGELA GERHARDT - UFRJ
Externo à Instituição - ZELIA XAVIER DOS SANTOS PEGADO - UnP
Notícia cadastrada em: 20/10/2016 16:12
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao