Banca de QUALIFICAÇÃO: ANDRE ANDERSON CAVALCANTE FELIPE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANDRE ANDERSON CAVALCANTE FELIPE
DATA : 22/09/2016
HORA: 08:30
LOCAL: Auditório "D" do CCHLA
TÍTULO:

O TESAURO: UM ESTUDO DO GÊNERO


PALAVRAS-CHAVES:

Tesauro. Linguística Textual. Gêneros Textuais. Análise Textual dos Discursos.


PÁGINAS: 130
RESUMO:

Esta pesquisa apresenta uma convergência interdisciplinar entre a Linguística Textual e a Ciência da Informação, tendo como objeto de investigação o Tesauro da Justiça Eleitoral (TJE), divulgado na web. O tesauro, de um modo geral, é constituído de critérios normativos relacionados à utilização (público alvo) e à finalidade (uso social), e deveriam ser compreendidos apenas por sujeitos pertencentes à comunidade discursiva na qual foi desenvolvida. Contudo, o TJE é desenvolvido, atualizado e disseminado na área do Direito, entretanto, pode ser acessado por diferentes públicos com diferentes interesses. As questões que motivam esta pesquisa são: a) como o TJE divulgado na web se caracteriza enquanto gênero? b) como se configura a estrutura composicional do TJE? Frente aos questionamentos, esta pesquisa tem como objetivo geral realizar um estudo linguístico do TJE disponível na web, com a finalidade de caracterizá-lo enquanto gênero. Como objetivo específico, pretende desenvolver e aplicar categorias para análise do TJE, com base em abordagens discursivo/textuais relacionadas aos estudos sobre gêneros. A pesquisa é de natureza bibliográfico-documental e traz como enfoque teórico a Linguística Textual e áreas correlatas. A seleção do corpus foi feita através de um levantamento bibliográfico com base nas estratégias de busca da lógica booleana em sites e bases de dados na área do Direito no Brasil. O TJE foi o corpus escolhido por apresentar os melhores índices em relação aos aspectos propostos: atualização e estruturação normativa. Como resultados parciais, estabelecemos o estado da arte do tesauro, apontando sua origem, definição e elaboração, função e uso, estrutura, relações terminológicas, tipos e elaboração; e a seleção das categorias de análise, que teve como base os procedimentos de caracterização do gênero textual estabelecidos por teorias relacionadas à Linguística Textual. Em sua relevância, a pesquisa busca contribuir para a ampliação de estudos voltados à caracterização de gêneros textuais ainda pouco explorados pela Linguística Textual, como o caso do tesauro, que mostrou grande potencial, podendo ser desenvolvido em diferentes áreas do conhecimento e com finalidades, para além das ações de organização do conhecimento.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 337223 - JOAO GOMES DA SILVA NETO
Interno - 1801855 - ALESSANDRA CASTILHO FERREIRA DA COSTA
Externo à Instituição - HÉLIO MÁRCIO PAJEÚ - UFPE
Externo à Instituição - ROSALICE BOTELHO WAKIM SOUZA PINTO - UNL
Notícia cadastrada em: 22/08/2016 15:03
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa27-producao.info.ufrn.br.sigaa27-producao