Banca de QUALIFICAÇÃO: THAYANE DE ARAÚJO MORAIS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : THAYANE DE ARAÚJO MORAIS
DATA : 15/08/2016
HORA: 15:00
LOCAL: a definir
TÍTULO:

HÁ COISAS EM VOLTA DO TEU PESCOÇO: QUESTÕES DE GÊNERO EM CHIMAMANDA NGOZI ADICHIE


PALAVRAS-CHAVES:

Literatura Africana; Chimamanda Ngozi Adichie; teorias feministas; contos nigerianos


PÁGINAS: 44
RESUMO:

A literatura africana, em seu potencial revisionário, tem proporcionado abertura de espaços nos quais a configuração heterogênea dos países africanos estabelece as bases para a reflexão crítica. A literatura da margem emerge a partir das desleituras dos sujeitos subalternos silenciados, em um movimento que ressalta a especificidade subjetiva, ao passo que intensifica a desconstrução promovida pela produção artística periférica. Localizando nesse contexto a criação literária das mulheres africanas, evidenciamos o questionamento aos aparatos opressivos, por meio da escrita que reúne tradição ancestral e herança colonial no entre-lugar das negociações culturais fundantes. Nessa paisagem, nos voltamos às vozes femininas articuladas pelo texto literário de Chimamanda Ngozi Adichie. De um lugar marcadamente feminista, a jovem escritora nigeriana avulta a crítica à subalternidade do sujeito feminino na literatura, por meio do discurso que contesta a condição opressiva imposta a mulher pelo poder hegemônico masculinizado. Tendo em vista a multiplicidade da mulher nigeriana, em nosso tecido textual, apresentamos uma análise da coletânea de contos A coisa à volta do teu pescoço (2012), atentando para as problemáticas que incidem nas personagens, considerando a conjuntura histórica e cultural reveladas pelas vozes femininas na tentativa de protagonizar seu próprio destino. Nessa perspectiva, inquerimos sobre os papeis de gênero e os elementos interseccionais – como raça, classe e instâncias da cultura – e sua influência sobre as expectativas formadas ao redor das questões de gênero. Como base de nossas considerações, seguimos pelos caminhos das teorias literárias de cunho feminista de acordo com as reflexões de Gayatri Chakravorty Spivak (2014), Angela Y. Davis (1983, 2009), Judith Butler (2015) e Chimamanda Ngozi Adichie (2015) no que concerne ao seu pensar acerca da cultura, unindo consciência política ao trabalho estético. 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1987097 - ANA SANTANA SOUZA
Externo à Instituição - FRANCISCA ZULEIDE DUARTE DE SOUZA - UEPB
Externo à Instituição - ROSILDA ALVES BEZERRA - UEPB
Presidente - 1674934 - TANIA MARIA DE ARAUJO LIMA
Notícia cadastrada em: 26/07/2016 17:02
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao