Banca de QUALIFICAÇÃO: RODRIGO LUIZ SILVA PESSOA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: RODRIGO LUIZ SILVA PESSOA
DATA: 28/10/2015
HORA: 14:00
LOCAL: SALA DO DELET
TÍTULO:
  • DE CAPITU AO ALIEN: AS RELAÇÕES DIALÓGICAS ENTRE “DOM CASMURRO” E “DOM CASMURRO OS DISCOS VOADORES”

PALAVRAS-CHAVES:

Relações dialógicas - Mashup - Dom Casmurro - Carnavalização - Hibridização.


PÁGINAS: 50
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Lingüística Aplicada
RESUMO:

A indústria de um gênero emergente conhecido como “mashup” vem aumentando do final da década de 80 até os dias atuais. Iniciando-se na esfera da informática, o gênero foi expandido também para outras esferas, inclusive a literária, através a reescrita de clássicos da literatura mundial, como “Orgulho e preconceito”, de Jane Austen, que foi reescrito com o título “Orgulho e preconceito e os zumbis” no qual o autor Seth Grahame Smith escreve a obra em uma suposta parceira com a escritora inglesa, falecida no ano de 1817. Com o crescimento dessa indústria, inclusive com a reescrita de clássicos da literatura brasileira, esse trabalho pretende analisar, sob a ótica da análise do discurso bakhtiniana, as relações dialógicas que se apresentam entre a Obra Literária Socialmente Valorizada (OLSV) e a Narrativa do mashup (NM), explicitando como é feita a construção do enunciado reescrito em diálogo constante com o original. Para tal, foram escolhidas as obras “Dom Casmurro”, clássico da literatura brasileira, da autoria de Machado de Assis, e “Dom Casmurro e os discos voadores”, obra revisitada pelo autor Lúcio Manfredi, que, assim como Seth Grahame, também inclui o nome de Machado de Assis na capa da sua obra. Durante a análise do corpus, a carnavalização e a hibridização bakhtinianas mostraram-se presentes na comparação das obras, atestando que a narrativa mashup traz de maneira bastante intensa o elemente trash para a obra, além de promover alterações no enredo e em alguns personagens para adaptar à narrativa a essa nova ambientação. Tratando-se de uma pesquisa inserida na Linguística Aplicada (LA), ela tem um caráter qualitativo-interpretativista, de base sócio-histórica.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1149420 - MARIA DA PENHA CASADO ALVES
Externo ao Programa - 277353 - HENRIQUE EDUARDO DE SOUSA
Externo ao Programa - 277306 - JOAO MARIA PAIVA PALHANO
Notícia cadastrada em: 28/10/2015 08:57
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa25-producao.info.ufrn.br.sigaa25-producao