Banca de DEFESA: HUBEÔNIA MORAIS DE ALENCAR

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: HUBEÔNIA MORAIS DE ALENCAR
DATA: 26/10/2015
HORA: 14:30
LOCAL: AUDITÓRIO D - CCHLA
TÍTULO:

A MEDIAÇÃO DO PROFESSOR NA CONSTITUIÇÃO DA AUTORIA EM TEXTOS DE ALUNOS DE LETRAS


PALAVRAS-CHAVES:

Ensino. Escrita. Mediação. Autoria. Formação Inicial.


PÁGINAS: 230
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
RESUMO:

A produção textual em sala de aula tem sido objeto de diversas pesquisas na área da linguagem, há mais de três décadas, no Brasil. A recorrência da temática acontece geralmente no sentido de se apresentar o grande distanciamento existente entre o ensino de habilidades de escrita e o desempenho dos aprendizes ao escreverem. Nesta pesquisa, defendemos a tese de que, no processo de escrita em sala de aula, as ações mediadoras do professor no sentido de levar o aluno ao exercício da exotopia sobre os seus textos, encarando-a como uma etapa fundamental da sua produção, tem efeito significativo para o desenvolvimento da autoria desses textos. Nesse sentido, elegemos como foco de investigação a produção textual de alunos, no curso de Letras da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte-UERN, com o propósito de estudar o caráter processual da escrita, a partir da mediação da professora. O objetivo maior desta pesquisa é analisar a (re)escrita de alunos do curso de graduação em Letras, a fim de compreender o processo de construção da autoria em seus textos e o efeito provocado pela mediação da professora  nesse processo. Mais especificamente: a) analisar a mediação da professora como mecanismo para o desenvolvimento da autoria nos textos produzidos por alunos de Letras; b) depreender, a partir das diferentes versões do texto produzido, os efeitos da mediação da professora sobre a escrita dos alunos; e c) descrever as atividades de produção textual em sala de aula, identificando as atitudes/posturas dos alunos ao assumirem uma tarefa de escrita. Dentre as vozes que trouxemos para dialogar conosco, destacamos as provenientes dos estudos bakhtinianos. Recorreremos às obras dos autores do denominado Círculo de Bakhtin, seja por eles mesmos (BAKHTIN/VOLOCHINOV, [1929] 2006; [1929] 2010; BAKHTIN, [1979] 2003; [1963] 2008; [1975] 2010a; [1965] 2010b; [1986] 2010c), seja através de seus debatedores (FARACO, 2009; PONZIO, 2010, 2012; GERALDI, 2010; OLIVEIRA, 2006, 2008a, 2008b, 2010, dentre outros), norteando-nos, principalmente, nas suas orientações sobre dialogismo, autor e autoria, e suas implicações conceituais: exotopia, acabamento, atividade estética, ato ético. Os dados foram constituídos em situação de ensino, envolvendo professora/pesquisadora e alunos do 5º Período de Letras/UERN. Para tanto, houve a aplicação de um Questionário Aberto-QA, discussão de textos, (re)escrita de um artigo. A leitura dos dados revelou pouca vivência dos sujeitos com a produção textual no curso, enquanto prática sistemática, rotineira, dialogada, cuja função social seja explorada. Geralmente, os textos são escritos em única versão e servem como avaliação para a aferição de notas. A análise dos dados nos coloca diante de alunos inseguros em relação ao que escrever, e com dificuldades de fazê-lo. Por outo lado, os movimentos de reescrita sobre os artigos analisados revelaram que os sujeitos manifestam atitude responsiva em relação às atividades de mediação, no sentido de atender à proposta de refacção. Apesar de alguns problemas permanecerem irresolutos e outros surgirem a cada versão do artigo, de um modo geral, consideramos que a mediação da professora teve efeito positivo sobre a escrita dos alunos, pois impulsionou o movimento exotópico do autor, algo imprescindível à produção de um texto. Todas as três formas de intervenção realizadas, em maior ou menor proporção, fizeram com que os sujeitos promovessem alterações nos seus artigos. 


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1801922 - ALESSANDRA CARDOZO DE FREITAS
Externo à Instituição - LUCAS VENICIO DE CARVALHO MACIEL - UERN
Presidente - 047.613.914-72 - MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA - UFRN
Interno - 1149420 - MARIA DA PENHA CASADO ALVES
Externo à Instituição - RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA - UERN
Notícia cadastrada em: 08/10/2015 14:45
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao