Banca de QUALIFICAÇÃO: LUCELIO DANTAS DE AQUINO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LUCELIO DANTAS DE AQUINO
DATA: 12/05/2015
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório D - CCHLA
TÍTULO:

REPRESENTAÇÕES DISCURSIVAS DE LULA NAS CAPAS DAS REVISTAS
ÉPOCA E VEJA


PALAVRAS-CHAVES:

Análise Textual dos Discursos. Representações discursivas. Lula. Gênero de
discurso capa de revista. Época e Veja.


PÁGINAS: 168
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Teoria e Análise Lingüística
RESUMO:

Esta tese se propõe a analisar as representações discursivas de Lula nas capas das revistas
Época e Veja, considerando os elementos verbo-visuais que constituem gênero capa de
revista. Nesse sentido, buscamos descrever e interpretar as representações discursivas – Rds –
que se dão como assuntos tematizados em revistas semanais de circulação nacional. Para
tanto, tomamos como fundamento teórico a abordagem da Análise Textual dos Discursos –
ATD, elaborada por Jean-Michel Adam (2008; 2010; 2011a; 2011b). A partir dela,
assumimos que o nível do texto está situado no nível do discurso e que os sentidos de toda
manifestação textual se dá co(n)textualmente. Também, entendemos que o nível semântico do
texto é a dimensão que nos permite compreender as representações discursivas vigentes em
um texto. Para a discussão sobre as Rds e suas categorias de análise – referenciação,
predicação, modificação, relação e localização – partimos dos estudos de Grize sobre a
esquematização (1990, 1996), bem como dialogamos com estudiosos que discutem questões
linguísticas, textuais e discursivas em enunciados concretos, tais como Neves (2006), Castilho
(2010), Rodrigues; Passeggi; Silva Neto (2010), Ramos (2011), Rodrigues et al. (2012),
Passeggi (2001; 2012), Queiroz (2013), Oliveira, K. (2013). Além destes, amparamo-nos na
multimodalidade discursiva para darmos conta dos elementos visuais presentes na capa de
revista (KRESS; van LEEUWEN, 2006; DIONISIO, 2011; DIONISIO; VASCONCELOS,
2013). Através de uma pesquisa realizada é de abordagem qualitativa com apoio quantitativo
do tipo documental, realizado com base no método dedutivo-indutivo e analiticamente
concretizada pela descrição e interpretação do corpus (SEVERINO, 2007; CHIZZOTTI,
2010; OLIVEIRA, M., 2013), buscamos descrever os elementos verbovisuais e interpretar
seus significados para a construção das Rds de Lula. O corpus é constituído por quarenta e
uma capas de revistas, sendo dezessete da revista Época e vinte e quatro da revista Veja. As
capas datam da candidatura em que Lula foi eleito o Presidente do Brasil, no ano de 2002, ao
último ano de mandato após a reeleição em 2006, no ano de 2010, ou seja, um período de
nove anos. Com base na análise realizada apenas nas capas da revista Época, afirmamos que
são construídas Rds positivas e negativas do tema tratado, que revelam o ponto de vista sobre
Lula, ora entendido como candidato articulado e aparelhado, vitorioso, sonho popular,
presidente resistente e batalhador, sem medo de por à prova o seu nome, vivo e com chances
de se reeleger etc., ora representado como fraco e desertor, cúmplice, desinformado,
coitadinho, entre outras; ambas auxiliadas pelas imagens que funcionam tanto como
referentes como extensões semânticas para a construção das Rds de Lula nas capas de Época.
Em conclusão, as Rds verificadas exigem uma reflexão, descrição e interpretação acerca da
referenciação, da predicação, da relação e da localização espaciotemporal que só foram
possíveis pela análise linguístico-textual do arranjo verbovisual que compõe o gênero de
discurso capa de revista.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 349707 - LUIS ALVARO SGADARI PASSEGGI
Interno - 349685 - MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
Externo à Instituição - GILTON SAMPAIO DE SOUSA - UERN
Externo à Instituição - MARIA ELIETE DE QUEIROZ - UERN
Externo à Instituição - SUELI CRISTINA MARQUESI - PUC - SP
Notícia cadastrada em: 23/04/2015 14:39
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa15-producao.info.ufrn.br.sigaa15-producao