Banca de QUALIFICAÇÃO: DEBORA MARIA DA SILVA OLIVEIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DEBORA MARIA DA SILVA OLIVEIRA
DATA: 24/11/2014
HORA: 09:30
LOCAL: Auditório "A" do CCHLA
TÍTULO:

BLOG PROERD NO SERTÃO:

LETRAMENTO, AÇÃO SOCIAL E MULTIMODALIDADE NO CIBERESPAÇO PELA EFETIVAÇÃO DAS POLÍTICAS PÚBLICAS SOBRE DROGAS


PALAVRAS-CHAVES:

Estudos de letramento. Programa Educacional de Resistência às Drogas. Linguística Aplicada.


PÁGINAS: 140
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Lingüística Aplicada
RESUMO:

O Programa Educacional de Resistência às Drogas (PROERD) existe há vinte e dois anos no Brasil. Tem como foco crianças e jovens de escolas públicas e particulares e seu objetivo consiste na prevenção do uso e abuso de drogas lícitas e ilícitas. Com base no exposto, o presente trabalho objetiva descrever eventos e práticas de letramento desenvolvidos por policiais militares, vinculados ao PROERD, no que se refere à produção e publicação de posts em blog “PROERD no sertão”- região do Seridó/RN. Os referidos posts tratam de ações realizadas em turmas atendidas pelo programa com o intuito de divulgar o trabalho realizado e, consequentemente, mostrar à comunidade em geral a importância dessa política antidrogas. Em termos de referencial teórico, o trabalho adota aportes dos Estudos de Letramento (BARTON; HAMILTON, 1993, 1998, 2000; KLEIMAN, 1995; STREET, 1984; OLIVEIRA, 2008, 2010), mais precisamente dos estudos que concebem o letramento como práticas sociais (OLIVEIRA, 2010; KLEIMAN, 2008; ROJO, 2009) dos fundamentos que tematizam linguagem e trabalho (SOUZA-E-SILVA, 2002; DUARTE & FEITOSA, 1998) e da Teoria de gêneros (BRONCKART, 2004; 2006) em sua instância multimodal (KRESS e VAN LEUWEN, 1996; DIONÍSIO, 2006; SANTAELLA, 2012). Metodologicamente, a investigação se insere no campo da Linguística Aplicada (LA), segue abordagem de natureza qualitativa e assume características da pesquisa descritiva (BOGDAN & BIKLEN, 1994; MINAYO, 2010; CHIZZOTTI, 2005). A geração de dados se desenvolve por meio de técnicas padronizadas (GIL, 1994) que compreendem entrevistas e questionários, as quais possibilitam o “cruzamento” ou a triangulação de informações (COX; ASSIS-PETERSON, 2001). A análise centrou foco no estudo do corpus (MOREIRA; CALEFFE, 2006) constituído por documentos e dizeres dos colaboradores em relação à produção dos posts. As discussões dos dados convergem para a reelaboração das categorias (elementos e componentes) propostas por Hamilton (2000), ao analisar eventos e práticas de letramento, assim como para a focalização dos movimentos verticais (telerrealidade, cibercultura) e horizontais (convivência/televivência; local/global; espaço geográfico/eletrônico) que se presentificam no hiperdomínio (ciberespaço, blogosfera). A relevância da pesquisa situa-se no fato de trazer para o âmbito acadêmico tópicos específicos do domínio do trabalho, mais precisamente da esfera da política de segurança pública com vistas a contribuir para a ampliação do conhecimento científico.

 

 

 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1674285 - ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
Interno - 332207 - MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
Externo à Instituição - SILVANO PEREIRA DE ARAÚJO - UERN
Notícia cadastrada em: 24/11/2014 14:49
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa17-producao.info.ufrn.br.sigaa17-producao