Banca de DEFESA: FRANCISCO JOSÉ COSTA DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FRANCISCO JOSÉ COSTA DOS SANTOS
DATA: 24/02/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório "D" do CCHLA
TÍTULO:

PROCEDIMENTOS DE ABERTURA E FECHAMENTO DE TÓPICOS NA INTERAÇÃOEM SALA DE AULA


PALAVRAS-CHAVES:

 Interação em sala de aula; Tópico Discursivo; Abertura e Fechamento Tópico.


PÁGINAS: 156
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Teoria e Análise Lingüística
RESUMO:

Este trabalho se insere em perspectivas interacionais, com  base nos pressupostos da Análise da Conversação, da Perspectiva Textual Interativa e da Linguística de Texto. A partir da questão norteadora que busca uma compreensão acerca da interação entre professor e alunos, no processo de construção do conhecimento, temos como objetivos: descrever, analisar e interpretar aspectos da organização tópica em sala de aula no Ensino Fundamental, observando os procedimentos de abertura e fechamento dos tópicos nesse espaço específico. Partindo da expectativa de que os procedimentos de abertura e fechamento dos tópicos discursivos ocorrem por meio de marcas linguísticas, buscamos identificar que marcas são usadas nas aberturas e fechamentos dos tópicos na sala de aula investigada, no transcurso das interações durante o processo colaborativo do discurso instaurado entre professora e alunos. Assim sendo, embasamo-nos em autores que analisam questões específicas do texto em situação concreta de uso da linguagem, entre estes, Koch (1993, 1999), Jubran et al (1991), Jubran (2006), Pinheiro (2005), Penhavel (2010), Galembeck (2012), Barros (1991), Marcuschi (1986, 1990, 1991, 1998, 1999, 2003, 2004a), Kerbrat-Orecchioni (2006), Fávero (1999, 2002) e Galvão (2004, 2010). Metodologicamente, orientamo-nos nos postulados da  pesquisa etnográfica, a fim de  realizar  a coleta dos dados, através de gravações em áudio e vídeo, os quais foram transcritos, em seguida, conforme a proposta do projeto NURC, com algumas adaptações. A análisedos dados revelou que os procedimentos de abertura e de fechamento dos tópicos ocorreram pelo uso de marcadores discursivos, em especial o marcador “então”, propiciando-nos à compreensão de que esses elementos são importantes na organização tópica, contribuindo para assegurar a coerência e a coesão textual. Concluímos que a organização do tópico discursivo em sala de aula ocorre mediante ocorrências que auxiliam a explicitação do conteúdo de ensino e aprendizagem , tendo em vista às diversas necessidades de um plano acadêmico institucional,  cujo objetivo principal é a construção do conhecimento.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 348014 - MARISE ADRIANA MAMEDE GALVAO
Interno - 349685 - MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
Externo à Instituição - GILTON SAMPAIO DE SOUSA - UERN
Notícia cadastrada em: 14/02/2014 09:43
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa19-producao.info.ufrn.br.sigaa19-producao