Banca de QUALIFICAÇÃO: SHEILA DA SILVA MONTE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: SHEILA DA SILVA MONTE
DATA: 25/10/2013
HORA: 09:30
LOCAL: Sala 304 - CCHLA
TÍTULO:

O FÓRUM DE DISCUSSÃO COMO FERRAMENTA NA CONSTRUÇÃO DE IDENTIDADES NO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM


PALAVRAS-CHAVES:

Identidade. Ambiente virtual de aprendizagem. Fórum de discussão.


PÁGINAS: 70
GRANDE ÁREA: Lingüística, Letras e Artes
ÁREA: Lingüística
SUBÁREA: Lingüística Aplicada
RESUMO:

Atualmente, em uma era pós-moderna, reconhecer-se como alguém que está em contínua construção é alcançar o limiar de quem realmente somos (ou não somos). Como um sujeito é sempre diferente do outro, passa-se a olhar para essa diferença de uma outra forma. Passamos a identificar relações que interferem em nossas construções cotidianas, nossas práticas sociais, como forma de entendimento do mundo. As posições que assumimos e com as quais nos identificamos constituem nossas identidades (WOODWARD, 2012). Com foco nessa discussão, a presente pesquisa tem como objetivo evidenciar as identidades dos alunos formadas no ambiente virtual de aprendizagem, por meio do fórum de discussão. Para tanto, elegemos para análise um fórum, gerado no primeiro semestre de 2011, veiculado na disciplina Leitura e Produção de Texto, do curso de licenciatura em Letras-Espanhol, de uma Instituição Federal de Ensino. Esta investigação insere-se no campo da Linguística Aplicada (LA) e segue uma abordagem de natureza qualitativo-interpretativista. A discussão tem como aportes teóricos os estudos de Hall (2001), Bauman (2005), Lévy (1999), Almeida (2003), Moran (2002; 2007) dentre outros que corroboram com a discussão proposta. Esta pesquisa tem, ainda, respaldo nos estudos de Bakhtin e Círculo (2010; 2012), partindo do pressuposto de que a linguagem é um fenômeno eminentemente social. As análises apontam que, no fórum de discussão, os sujeitos protagonizam construções identitárias, por meio da internalização de discursos alheios. A forma como os indivíduos participam nessa ferramenta representa experiências de aprendizagem e, por conseguinte, construção de identidades, o que determina a trajetória dos sujeitos, fazendo da identidade um processo de vir a ser, um constante tornar-se. Acreditamos que o desenvolvimento deste estudo deverá contribuir para a uma nova visão tanto dos ambientes virtuais de aprendizagem, enquanto suporte midiático para a qualificação de pessoas, quanto dos estudos identitários no que diz respeito às práticas sociais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1168633 - MARILIA VARELLA BEZERRA DE FARIA
Interno - 6345753 - MARIA BERNADETE FERNANDES DE OLIVEIRA
Externo ao Programa - 2507717 - TATYANA MABEL NOBRE BARBOSA
Notícia cadastrada em: 09/10/2013 16:24
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao