Banca de QUALIFICAÇÃO: DANILO FLADEMIR ALVES DE OLIVEIRA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : DANILO FLADEMIR ALVES DE OLIVEIRA
DATA : 03/11/2016
HORA: 13:00
LOCAL: Anfiteatro dos répteis - CB
TÍTULO:

Envolvimento das reações hidrolíticas na deterioração das sementes de Moringa oleifera Lam. durante o armazenamento


PALAVRAS-CHAVES:

Envelhecimento natural; Qualidade de sementes; Marcadores bioquímicos; Reações de deterioração.


PÁGINAS: 39
RESUMO:

Este trabalho almejou investigar a deterioração de sementes de Moringa oleifera Lam. (moringa) armazenadas em câmara de crescimento (27 ± 2ºC e UR de 65%) e sob refrigeração (4 ± 2ºC e UR de 25%) por 12 meses. As coletas foram realizadas antes do armazenamento e a cada três meses. Foram avaliados o teor de água das sementes, a porcentagem e o tempo médio de germinação, o comprimento e a massa seca de plântulas, o conteúdo de lipídios neutros, amido, proteínas solúveis, açúcares solúveis totais e não redutores e aminoácidos livres totais, além da atividade de lipases, amilases e proteases ácidas. Apenas nas sementes armazenadas em câmara de crescimento houve aumento do teor de água e do tempo médio de germinação, acompanhado por diminuição da porcentagem de germinação e da massa seca de plântulas ao final de 12 meses. Para ambos os ambientes de armazenamento, o conteúdo de lipídios neutros se manteve inalterado, enquanto que o conteúdo de amido e proteínas solúveis diminuiu ao longo do tempo. Curiosamente, a atividade de lipases apresentou aumento, ao passo que a atividade de amilases e proteases ácidas não acompanhou a diminuição do conteúdo de amido e proteínas solúveis, respectivamente, durante o período experimental. Além disso, em ambos os tratamentos, não houve acumulação de açúcares solúveis totais e não redutores e de aminoácidos livres totais. Assim, é possível concluir que as sementes de moringa conservam a viabilidade e o vigor quando são armazenadas em ambiente refrigerado por até 12 meses. É possível que haja alguma contribuição da hidrólise não enzimática do amido e das proteínas de reserva para iniciar o processo de deterioração das sementes de moringa ao longo do armazenamento, independente do ambiente testado.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1228866 - EDUARDO LUIZ VOIGT
Interno - 1721230 - MAURO VASCONCELOS PACHECO
Interno - 1605704 - SIDNEY CARLOS PRAXEDES
Notícia cadastrada em: 20/10/2016 08:48
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao