Banca de QUALIFICAÇÃO: JULIANA LUIZA ROCHA DE LIMA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JULIANA LUIZA ROCHA DE LIMA
DATA : 16/12/2022
HORA: 09:00
LOCAL: https://meet.google.com/auy-jaic-syf
TÍTULO:

Caracterização da Colonização de Fungos Micorrízicos Arbusculares (FMA) na Serapilheira em Decomposição em Áreas de Floresta Úmida


PALAVRAS-CHAVES:

Diversidade, floresta tropical, Glomeromycota, micorriza, novos habitats


PÁGINAS: 64
RESUMO:

Os Fungos Micorrízicos Arbusculares (FMA) formam uma associação obrigatória com a maioria das raízes das plantas. Esta simbiose é encontrada em solos de vários ecossistemas terrestres, no entanto, estudos têm mostrado sua presença colonizando folhas da serapilheira em decomposição. Mesmo assim, há poucos estudos com FMA nesta condição. Dessa forma, o trabalho objetivou registrar a ocorrência e investigar quais fatores influenciam a colonização de FMA em folhas da serapilheira de três áreas da Mata Atlântica, aliado a uma nova abordagem metodológica para estudar FMA na serapilheira. Para isso, foram realizadas coletas de folhas em litter bags nas áreas RPPN Mata Estrela, FLONA de Nísia Floresta e Fazenda Sapé, no RN. Com a nova abordagem foram recuperados 202 glomerosporos na serapilheira com Glomus sendo o gênero mais abundante. As folhas de Ziziphus joazeiro da Fazenda Sapé e Paubrasilia echinata da Mata Estrela apresentaram os maiores percentuais de colonização por FMA, enquanto as folhas de Hymanaea coubaril da Mata Estrela e Flona juntamente com Mimosa caesalpiniifolia apresentaram os menores percentuais. Nossos dados mostram que a qualidade da serapilheira influencia a colonização por FMA assim como sua abundância. Além disso, o tempo de decomposição e a profundidade da serapilheira também afetam os percentuais de colonização da serapilheira por FMA. Nossos dados revelam que a utilização de uma nova abordagem metodológica é útil para recuperar FMA da serapilheira, sendo este o primeiro estudo para Glomeromycota utilizando essa nova abordagem. Também mostramos quais táxons de FMA podem ser encontrados nessa condição. Além disso, verificamos que algumas características da folha, que geralmente influenciam a comunidade de decompositores, também pode influenciar a comunidade de FMA.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1755051 - BRUNO TOMIO GOTO
Externa à Instituição - CAMILA PINHEIRO NOBRE - UEMA
Interno - ***.924.744-** - RHUDSON HENRIQUE SANTOS FERREIRA DA CRUZ - UFOB
Notícia cadastrada em: 01/12/2022 14:42
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa26-producao.info.ufrn.br.sigaa26-producao