Banca de QUALIFICAÇÃO: ALBÉRIA CLAUDINO DA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ALBÉRIA CLAUDINO DA SILVA
DATA : 29/03/2019
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do CCET
TÍTULO:

A relação entre taxas de suicídios e desigualdade de renda nas microrregiões do Brasil em 2010


PALAVRAS-CHAVES:

Suicídios; Desigualdade de Renda; Microrregiões brasileiras; Autocorrelação Espacial; Censo Demográfico 2010


PÁGINAS: 56
RESUMO:

Nos últimos anos tem se observado o crescimento das taxas de suicídio em todo o mundo. Os óbitos por essa causa estão ligados não somente a fatores individuais, mas também a fatores biológicos, sociais, culturais e ambientais. A literatura aponta associações divergentes sobre a relação entre desigualdade de renda e as taxas de suicídio. Embora a maior parte dos óbitos por essa causa aconteçam em países de baixa e média renda, poucos trabalhos têm explorado essa relação em países com essas características. Diante do exposto, esse projeto de dissertação tem como objetivo geral realizar uma análise espacial descritiva das taxas de suicídio padronizadas por idade e sua relação com o índice de Gini, nas microrregiões brasileiras, em 2010. Os dados utilizados serão provenientes do Censo Demográfico 2010 (IBGE) e do Sistema de Informação sobre Mortalidade (SIM), para o mesmo ano. A hipótese central deste trabalho é que sendo o Brasil um país de dimensões continentais, com diferentes contextos sociais, culturais e econômicos, é possível que a relação entre as taxas de suicídio e a desigualdade de renda apresentem comportamento diferenciado entre as microrregiões, em função das disparidades econômicas e sociodemográficas existente entre essas unidades geográficas. Para o alcance do objetivo proposto serão realizadas análises de autocorrelação espacial para verificar a existência de dependência espacial com relação às dimensões consideradas. Por meio do índice global de Moran (IM) será verificada se há dependência espacial positiva ou negativa das taxas de suicídio entre as microrregiões brasileiras, enquanto o índice local (LISA) verificará de maneira univariada a existência de clusters das taxas de suicídio entre as microrregiões analisadas. Num segundo momento, o índice local (LISA) bivariado será utilizado com o objetivo de analisar a existência de  dependência espacial entre as taxas de suicídio e o índice de Gini, bem como entre as dimensões sociodemográficas selecionadas (e que também afetam a ocorrência dos suicídios). Esse projeto também apresenta os próximos passos para a execução da dissertação, tais como, estrutura dos capítulos teóricos, tratamento dos dados e aplicações dos métodos, análises dos resultados obtidos e conclusões.     


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1346605 - FLAVIO HENRIQUE MIRANDA DE ARAUJO FREIRE
Externa à Instituição - JOICE MELO VIEIRA - UNICAMP
Interno - 1422122 - JÁRVIS CAMPOS
Presidente - 2081758 - LUCIANA CONCEICAO DE LIMA
Notícia cadastrada em: 21/03/2019 18:12
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa05-producao.info.ufrn.br.sigaa05-producao