Banca de DEFESA: HELDER JOSÉ FARIAS DA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: HELDER JOSÉ FARIAS DA SILVA
DATA: 13/03/2015
HORA: 09:00
LOCAL: Anfiteatro A CCET
TÍTULO:

ANÁLISE DE TENDÊNCIA E CARACTERIZAÇÃO SAZONAL E INTERANUAL DA EVAPOTRANSPIRAÇÃO PARA O ESTADO DO ACRE – BRASIL


PALAVRAS-CHAVES:

Climatologia. Agrometeorologia. Atributos Meteorológicos. Teste de Mann-Kendall.

 


PÁGINAS: 100
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Geociências
RESUMO:

Esta pesquisa se propôs a investigar aspectos climatológicos (caracterização) mensais, sazonais, anuais e interdecadais da Evapotranspiração potencial para o estado do Acre a fim de compreender melhor sua variabilidade temporal e espacial e identificar possíveis tendências na região, tendo como unidades de estudos os municípios de Rio Branco, capital do Estado, Tarauacá e Cruzeiro do Sul, considerando um período de 35 anos: 1980 a 2014, a partir de dados mensais de estações meteorológicas de superfície do Instituto de Nacional de Meteorologia. Como metodologia adotou-se realizar, primeiramente, a consistência dos dados meteorológicos desta forma foi feito o preenchimento de falhas através da imputação de dados na série temporal por meio da imputação multivariada, na seqüência foram realizados testes estatísticos de homogeneidade, de tendência (Mann-kendall) e do estimador de Sen's (magnitude), assim como os testes de t-student e Mann-Whitney para identificar a partir de que ano a tendência passou a ser significativa. E por fim, a técnica de Análise de Variância - ANOVA foi adotada a fim de verificar se há diferença significativa nas médias anuais da evapotranspiração entre as localidades. O método indireto de Penmann-Montheith foi utilizado para o cálculo da Evapotranspiração potencial. Os resultados deste trabalho, permitiram concluir que a média anual da ETp é de 3,78, 2,90 e 2,80 mm dia ano-1, para Rio Branco, Tarauacá e Cruzeiro do Sul, respectivamente. Apresentando sinal sazonal bastante marcante com um mínimo em junho e um máximo em outubro. Pela ANOVA foi verificada que as médias entre as localidades diferem estatisticamente para um nível de significância de 1%. A década de 2000 foi a que apresentou os anos com maiores valores de evapotranspiração, associados à fase fria da ODP, e a década de 80 os de menores, associada à fase quente da ODP, para as três localidades. Mediante análise do teste de Mann-kendall, verificou-se tendência de elevação de 0,10 mm/década, aproximadamente, na evapotranspiração potencial na escala anual e sazonal, com exceção do verão na localidade de Cruzeiro do Sul. Esta tendência tronou-se estatisticamente significativa a partir dos anos: 2000, 1996 e 1988/90 para as localidades de Rio Branco, Tarauacá e Cruzeiro do Sul, respectivamente. Para análise de tendência dos parâmetros meteorológicos que condicionam a ETp foi observado tendência positivo/negativa em nível de 5% de significância, com exceção do Déficit de Pressão de Vapor que não apresentou incremento/declínio nas escalas anual ou sazonal.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 320597 - PAULO SERGIO LUCIO
Interno - 2086472 - BERGSON GUEDES BEZERRA
Interno - 1752417 - CLAUDIO MOISES SANTOS E SILVA
Interno - 350691 - MARIA HELENA CONSTANTINO SPYRIDES
Externo à Instituição - JOSEMIR ARAÚJO NEVES - EMPARN
Notícia cadastrada em: 13/03/2015 08:57
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao