Banca de QUALIFICAÇÃO: JAIME RODRIGUEZ COARITI

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: JAIME RODRIGUEZ COARITI
DATA: 01/08/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório INPE - CRN
TÍTULO:

AVALIAÇÃO DO FLUXO DA RADIAÇÃO ULTRAVIOLETA E O IMPACTO À SAÚDE HUMANA NAS CIDADES DE LA PAZ – BOLÍVIA E NATAL - BRASIL


PALAVRAS-CHAVES:

Radiação ultravioleta, Fotodermatose.


PÁGINAS: 78
GRANDE ÁREA: Ciências Exatas e da Terra
ÁREA: Geociências
RESUMO:

Nos últimos anos estudos sobre a radiação ultravioleta (R-UV) mostraram que a exposição inadequada provoca danos celulares, e outros impactos biológicos importantes nos seres vivos. Diante da relevância deste problema, no que concerne à saúde pública, este trabalho tem como objetivos: a) Quantificar a R-UV em dois locais que recebem muita radiação UV durante todo o ano e que apresentam um cenário adequado para o estudo do impacto da radiação em diferentes biotipos, b) Identificar os principais efeitos na saúde humana, c) propor medidas preventivas e educativas com vistas à mitigação dos efeitos negativos da exposição excessiva à R-UV. Foram definidas as cidades de La Paz – Bolívia e Natal – Brasil. Tais cidades possuem características típicas: uma em baixa latitude, com clima tropical e localizada no litoral, no caso de Natal e a outra está localizada em altitudes elevadas, acima de 3600m, no caso de La Paz. A metodologia utilizada para este trabalho foi dividida em duas partes independentes, mas complementares. Uma destina-se à área médica e a outra a quantificação, validação e seleção de determinadas faixas da R-UV. Na Bolívia, os dados de saúde foram obtidos no hospital “Caixa Nacional de Saúde”. Além disso, em janeiro de 2011 foi aplicado um questionário adaptado da classificação de Fitzpatrick, para determinar o fototipo da população de La Paz. No Brasil, o estudo encontra-se em desenvolvimento e validação das informações. Serão utilizados dados do Hospital Universitário da Universidade Federal do Rio Grande do Norte e outras fontes oficiais. Serão avaliadas as principais doenças causadas e agravadas pela R-UV. A outra parte do estudo, esta relacionada a R-UV, onde serão analisadas as medidas em comprimento de ondas mais importantes para a saúde. O período foi de 2009 a 2012. Os resultados da pesquisa apresentaram fluxos de R-UV elevados e uma porcentagem significativa de doenças dermatológicas correspondentes às fotodermatose e doenças oftalmológicas. Existe necessidade imediata de implementação de medidas públicas de prevenção e conscientização da população


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1808127 - JOSE HENRIQUE FERNANDEZ
Externo ao Programa - 146.620.248-38 - MARCELO DE PAULA CORRÊA - UNIFEI - UNI
Interno - 350691 - MARIA HELENA CONSTANTINO SPYRIDES
Presidente - 872.707.908-25 - NEUSA MARIA PAES LEME - INPE
Interno - 320597 - PAULO SERGIO LUCIO
Notícia cadastrada em: 31/07/2014 09:08
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa01-producao.info.ufrn.br.sigaa01-producao