Banca de DEFESA: MAYARA DE SOUSA GUIMARÃES FONSECA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MAYARA DE SOUSA GUIMARÃES FONSECA
DATA : 17/12/2019
HORA: 08:30
LOCAL: Auditório 2 do LABCOM/Decom/UFRN
TÍTULO:

INFLUENCIADORAS DIGITAIS DE MODA E BELEZA NO INSTAGRAM: estratégias comunicacionais, institucionalidades e consumo midiatizado do público feminino


PALAVRAS-CHAVES:

Influenciadores Digitais; Midiatização; Instagram; Consumo Midiatizado; Estratégias Comunicacionais.


PÁGINAS: 210
RESUMO:

Esta tese se propõe  compreender o surgimento e a institucionalização de influenciadoras digitais de moda e beleza a partir das estratégias comunicacionais adotadas no aplicativo Instagram para influenciar o consumo no universo feminino por meio de estudo de caso de cinco perfis selecionados (@camila_morais_, @achadinhosdanega, @ricademarre, @nicolepinheiro e @thuanyazevedo), com o intuito de caracterizar o consumo virtual feminino e suas transformações no século XXI mediatizado pelas mídias sociais digitais, com enfoque no Instagram, analisar como ocorre a interação entre as influenciadoras digitais de moda e beleza – selecionadas para este estudo de caso –, comparando as postagens no feed de notícias e no instastories a fim de verificar quais estratégias utilizam para fomento do consumo, apontar os impactos provocados no mercado publicitário com o surgimento dos influenciadores digitais no Instagram, apresentar as diferenças e confluências entre os conceitos de formador de opinião e influenciador digital e  compreender o consumo midiatizado dos seguidores, enfatizando gostos e preferências de acordo com as curtidas e comentários no feed de notícias. Defende-se o pressuposto de que o nível de interação no aplicativo Instagram entre influenciadores digitais e seus seguidores define sua institucionalização. Assim, entende-se que os autores denominados influenciadores digitais estão em fase de consolidação no sistema publicitário ao associarem seu estilo de vida aos produtos e serviços que divulgam, os quais utilizam estratégias comunicacionais, que passamos a denominar como “produto-experiência” e “serviço-experiência”. O quadro teórico-metodológico desta tese apresenta como predominantes os estudos da Influência, sob a perspectiva da teoria “two-step flow” representados sobretudo pelos estudos de Paul Lazerfeld (1955); Midiatização (HJARVARD, 2014, FAUSTO NETO, 2008, HEPP, 2014, VERÓN, 2014); Influenciadores digitais (KARHAWI, 2018, FINDLAY 2015, ROCAMORA, 2011) e do Consumo Midiatizado (TRINDADE e PEREZ, 2016), Interação (THOMPSON, 2018) e Publicidade Expandida (TRINDADE, 2017). As análises se fundamentam no monitoramento dos perfis do Instagram das cinco influenciadoras, durante um período de 60 dias, por meio da observação sistemática do tipo não participante. A pesquisa de natureza quanti-qualitativa, tem como base as métricas definidas pela autora e sistematizadas em planilha do programa Excel para atingir os objetivos específicos desta tese. Para a análise dos dados será aplicado a Análise de Conteúdo. Em paralelo, aplicou-se o instrumento de coleta de dados, entrevista, com as influenciadoras, em dias e horários distintos, de forma individual, via aplicativo de celular. A etapa qualitativa é complementada pela seleção das cinco postagens no feed de notícias do Instagram de cada influenciadora que tiveram maior número de comentários.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ENEUS TRINDADE BARRETO FILHO - USP
Externo à Instituição - FERNANDO FIRMINO DA SILVA - UFPB
Interno - 1319361 - JUCIANO DE SOUSA LACERDA
Interno - 2178719 - MARCELO BOLSHAW GOMES
Interna - 1644432 - MARIA DO SOCORRO FURTADO VELOSO
Notícia cadastrada em: 02/12/2019 15:01
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao