Banca de QUALIFICAÇÃO: MAYARA DE SOUSA GUIMARÃES FONSECA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MAYARA DE SOUSA GUIMARÃES FONSECA
DATA : 08/11/2019
HORA: 15:00
LOCAL: Sala 07 do LABCOM/DECOM UFRN
TÍTULO:

INFLUENCIADORES DIGITAIS NO INSTAGRAM: ESTRATÉGIAS COMUNICACIONAIS E CONSUMO MIDIATIZADO DO PÚBLICO FEMININO


PALAVRAS-CHAVES:

Influenciadores Digitais; Midiatização; Instagram; Consumo Midiatizado; Estratégias Comunicacionais.


PÁGINAS: 117
RESUMO:

Esta tese se propõe compreender o surgimento e a institucionalização de influenciadoras digitais a partir das estratégias comunicacionais adotadas no aplicativo Instagram para influenciar o consumo no universo feminino por meio de estudo de caso de cinco perfis selecionados (@camila_morais_, @achadinhosdanega, @ricademarre, @nicolepinheiro e @thuanyazevedo), com o intuito de caracterizar o consumo virtual feminino e suas transformações no século XXI mediatizado pelas mídias sociais digitais, com enfoque no Instagram, analisar como ocorre a interação entre as influenciadoras digitais do universo feminino – selecionadas para este estudo de caso –, comparando as postagens no feed de notícias e no instastories a fim de verificar quais estratégias utilizam para fomento do consumo, apontar os impactos provocados no mercado publicitário com o surgimento dos influenciadores digitais no Instagram e  compreender o consumo midiatizado dos seguidores, enfatizando gostos e preferencias de acordo com as curtidas e comentários no feed de notícias. Defende-se o pressuposto de que o nível de interação no aplicativo Instagram entre influenciadores digitais e seus seguidores define sua institucionalização. Assim, entende-se que os autores denominados influenciadores digitais estão em fase de consolidação no sistema publicitário ao associarem seu estilo de vida aos produtos e serviços que divulgam, os quais utilizam estratégias comunicacionais, que passamos a denominar como “produto-experiência” e “serviço-experiência”. O quadro teórico-metodológico desta tese apresenta como predominantes os estudos da Influência, sob a perspectiva da teoria “two-step flow” representados sobretudo pelos estudos de Paul Lazerfeld (1944 a 1952); Midiatização (HJARVARD, 2014, FAUSTO NETO, 2008, HEPP, 2014, VERÓN, 2014); Influenciadores digitais (KARHAWI, 2018, FINDLAY 2015, ROCAMORA, 2011) e do Consumo Midiatizado (TRINDADE e PEREZ, 2016). As análises se fundamentam no monitoramento dos perfis do Instagram das cinco influenciadoras, durante um período de 60 dias, por meio da observação sistemática do tipo não participante. A pesquisa de natureza quanti-qualitativa, tem como base as métricas definidas pela autora e sistematizadas em planilha do programa Excel para atingir os objetivos específicos desta tese. Para a análise dos dados será aplicado a Análise de Conteúdo. Em paralelo, aplicou-se o instrumento de coleta de dados, entrevista, com as influenciadoras, em dias e horários distintos, de forma individual, via aplicativo de celular. A etapa qualitativa é complementada pela seleção das cinco postagens no feed de notícias do Instagram de cada influenciadora que tiveram maior número de comentários.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1319361 - JUCIANO DE SOUSA LACERDA
Interno - 2178719 - MARCELO BOLSHAW GOMES
Interna - 1644432 - MARIA DO SOCORRO FURTADO VELOSO
Externo à Instituição - ENEUS TRINDADE BARRETO FILHO - USP
Notícia cadastrada em: 30/10/2019 11:19
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao