Banca de DEFESA: LIVIA MAIA BRASIL

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LIVIA MAIA BRASIL
DATA : 22/02/2017
HORA: 10:30
LOCAL: A definir
TÍTULO:

MEMES IMAGÉTICOS SOBRE AS ELEIÇÕES DE 2014: UMA ANÁLISE DE DISCURSOS E REPRESENTAÇÃO POLÍTICA NO FACEBOOK


PALAVRAS-CHAVES:

Memes imagéticos; Facebook; Participação política; Eleições 2014; Debates presidenciais.


PÁGINAS: 112
RESUMO:

O uso insistente e repetitivo de imagens visuais na internet como principal linguagem midiática promove a circulação de sentidos entre os usuários e suas conexões, principalmente nos ambientes virtuais de comunicação. Nessa nova dinâmica comunicacional inerente à cibercultura, encontramos o meme, fenômeno e linguagem deste meio, um discurso imagético passível de replicação e ressignificação através das interações entre usuários e conteúdos, configurando-se como um fenômeno que guarda implicações que devem ser exploradas. Percebemos no meme, novas formas de manifestação que fazem parte das experiências de uma nova geração com novos suportes comunicacionais e que trazem novas possibilidades de discussão sobre diversificados temas, nosso estudo busca então problematizar a forma como os discursos propagados pelos memes imagéticos políticos, contribuem para a formação da representação da participação política no Facebook. Nossa análise tem foco no período que corresponde aos debates com os candidatos a presidente no primeiro turno das Eleições Presidenciais de 2014 no Brasil e compreende que o compartilhamento de memes políticos durante esse período, corroborou para evidenciar a opinião pública acerca desses eventos. Nos apoiamos no conceito de meme de Limor Shifman e de Rede Sociotécnica de Bruno Latour, para compreender o seu significado no seu meio de circulação na mídia digital. Através da análise discursiva francesa (AD), a pesquisa nos levou a perceber que a retórica do meme, desqualifica o discurso político tradicional por meio do humor e configura uma outra forma de participação política, sustentada também pelas dinâmicas de valorização e capital social das redes sociotécnicas. Temos como principal referencial teórico na AD, Dominique Maingueneau e a premissa da exploração dos interdiscursos que favorece uma análise qualitativa e interpretativa dos fatos discursivos no meme. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1460107 - KENIA BEATRIZ FERREIRA MAIA
Interno - 1319361 - JUCIANO DE SOUSA LACERDA
Externo à Instituição - CLÁUDIO CARDOSO DE PAIVA - UFPB
Notícia cadastrada em: 18/01/2017 16:32
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa15-producao.info.ufrn.br.sigaa15-producao