Banca de DEFESA: PAULO LEITE SOUZA JUNIOR

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : PAULO LEITE SOUZA JUNIOR
DATA : 21/06/2019
HORA: 10:30
LOCAL: Auditório do CTEC
TÍTULO:

COMPORTAMENTO DRENANDO E NÃO DRENADO DE UMA AREIA EÓLICA DE NATAL/RN.



PALAVRAS-CHAVES:

Ensaio triaxial, areia de duna, estado crítico, estado permanente.



PÁGINAS: 78
RESUMO:

O comportamento de areias frente às diversas solicitações de carregamento tem sido objeto de vários estudos nas últimas décadas. A Teoria dos Estados Críticos têm sido base para elaboração de modelos constitutivos capazes de simular o comportamento das areias. Pesquisadores mostraram que a definição da Linha do Estado Crítico (LEC) pode ser obtida mediante a realização de ensaios drenados e não drenados em amostras com diferentes densidades iniciais. O objetivo desse trabalho é verificar o comportamento drenado e não drenado da areia eólica de Natal/RN tendo como base os princípios da Mecânica dos Solos dos Estados Críticos. Os ensaios drenados e não drenados foram realizados em amostras com índices de vazios iniciais de moldagem igual a 0,6, 0,7 e 0,8, que correspondem à condição compacta, medianamente compacta e fofa, respectivamente. Foram realizados ensaios com tensões
confinantes de 50, 100, 200 e 300 kPa para cada índice de vazios de moldagem. Os resultados mostraram que a linha dos estados críticos pôde ser definida a partir de ensaios drenados e não drenados em areia inicialmente fofa e medianamente compacta. As amostras de areia compacta não foram utilizadas para definição da LEC por considerar que não atingiram a condição do estado crítico a uma deformação axial de 20%. Os parâmetros da Teoria do Estado Crítico foram obtidos utilizando as projeções nos planos p’-q e lnp’-v. O ângulo de atrito no estado crítico igual a 31,5° é compatível com areias sem finos, angulares a subangulares, predominantemente quartzosas e de granulometria uniforme. Foram obtidos valores de M, Γ e λ iguais a 1,26, 1,863 e 0,03, respectivamente. Os parâmetros obtidos contribuirão para análises e simulações numéricas de estruturas geotécnicas construídas sobre os depósitos eólicos de duna na cidade de Natal/RN.



MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - FRANCISCO CHAGAS DA SILVA FILHO - UFC
Presidente - 1149451 - OLAVO FRANCISCO DOS SANTOS JUNIOR
Interno - 1692497 - OSVALDO DE FREITAS NETO
Notícia cadastrada em: 07/06/2019 14:28
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao