Banca de QUALIFICAÇÃO: ANNA CHRISTINNA SECUNDO LOPES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANNA CHRISTINNA SECUNDO LOPES
DATA : 19/03/2018
HORA: 10:50
LOCAL: Setor 4, Bloco G, Sala 4
TÍTULO:

Modelagem computacional para análise de edifícios de alvenaria estrutural sobre estrutura de transição considerando a interação solo-estrutura e o efeito construtivo



PALAVRAS-CHAVES:

alvenaria estrutural; estruturas de transição; pórtico equivalente; ações evolutivas; interação solo-estrutura.


PÁGINAS: 40
RESUMO:

O presente estudo consistirá na avaliação dos efeitos causados pela sequência de construção e pela interação solo-estrutura (ISE) em edifícios de alvenaria estrutural sobre estruturas de transição em concreto armado. Para tanto, serão utilizados o modelo de pórtico equivalente, desenvolvido por Nascimento et al. (2014), para simular a interação entre as paredes estruturais no primeiro pavimento dos edifícios e a estrutura de suporte em concreto armado, e o modelo de pórtico tridimensional, estudado por Nascimento Neto (1999), para simular as paredes estruturais nos pavimentos superiores do edifício. As análises relacionadas à sequência de construção consistem na incorporação gradativa do carregamento e da rigidez da estrutura durante o tempo de execução; enquanto que aquelas relacionadas a ISE incorporam os efeitos da deformabilidade das fundações na distribuição dos esforços na estrutura. Serão desenvolvidas 4 metodologias de análises, para 2 edifícios com diferentes geometrias: a primeira consiste no modelo clássico de referência, no qual se admite que os apoios da estrutura são indeslocáveis e que o carregamento total atua de forma instantânea; a segunda corresponde ao modelo que incorpora as ações evolutivas, mantendo, porém, a estrutura sobre apoios indeslocáveis; a terceira é representada pelo modelo que considera a ISE com atuação, no entanto, de carregamento instantâneo; por fim, a quarta metodologia é representada pelo modelo de análise mais refinado, no qual será considerada a ISE e o carregamento gradativo da estrutura durante o período de construção. As análises consistirão na avaliação dos esforços e dos deslocamentos da estrutura de transição (pilares e vigas), além da distribuição das tensões na base das paredes, para painéis com diferentes tipos de abertura. Assim, espera-se que a redistribuição dos esforços na estrutura através do modelo mais refinado torne a análise e o dimensionamento mais realistas, contribuindo para o aperfeiçoamento e evolução da análise estrutural de edifícios de alvenaria, e para uma avaliação crítica do método de análise convencional.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1451817 - JOEL ARAUJO DO NASCIMENTO NETO
Interno - 1752508 - DANIEL NELSON MACIEL
Interno - 1692497 - OSVALDO DE FREITAS NETO
Notícia cadastrada em: 14/03/2018 13:46
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao